Saiba quais são os vegetais mais ricos em proteínas

Folhas escuras são uma boa fonte de ferro (Getty Images)

Quem começa a praticar atividades físicas, especialmente aquelas que visam o ganho de massa muscular, logo descobre que as proteínas assumem papel fundamental para o alcance dos resultados desejados. Elas são responsáveis pelo crescimento e pela reparação de tecidos, o que colabora para a formação de novas células musculares.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Para quem não quer consumir produtos de origem animal com frequência, a dica é investir em proteínas vegetais. Embora a proteína animal tenha um alto valor biológico, alguns vegetais também são boas fontes desse aminoácido, o que fazem deles aliados na hora do treino, suprindo com qualidade as necessidades diárias desse nutriente.

Leia também:

Arroz e feijão combinam aminoácidos e ferro

O arroz e o feijão, sempre presente no prato dos brasileiros, é a combinação perfeita dos aminoácidos que nosso organismo precisa. Além disso, a dupla também é rica em vitaminas do complexo B, ferro, cálcio, cobre, potássio, zinco e magnésio. O arroz integral é ainda mais rico em fibras e outros nutrientes do que o branco.

Aveia é uma boa para o intestino

É um cereal rico em fibras solúveis e proteínas, além de carboidratos, gorduras, vitaminas e minerais antioxidantes. Ela também fornece maior sensação de saciedade ao organismo, auxiliando no controle do apetite e regulando o funcionamento intestinal.

Soja auxilia no controle do colesterol

A leguminosa é uma excelente fonte do nutriente, sendo que em apenas meia xícara é possível encontrar de 10 a 15 gramas de proteína. Além disso, o grão é ajuda a reduzir os níveis do colesterol ruim, o LDL e a preservar o HDL, também chamado de colesterol bom.

Ervilha ajuda a retardar a fadiga

Ervilhas fazem bem para o organismo graças aos BCAAs (Getty Images)

A razão pela qual a ervilha faz sucesso é o fato de ser rica em aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs), que são compostos de proteína conhecidos por retardar a fadiga. Além disso, a quantidade de BCAAs presentes na proteína da ervilha é próxima à encontrada no leite e nos ovos.

Quinoa pode fazer parte de várias receitas

A quinoa é uma fonte de proteínas comparável ao leite e tem a vantagem de ser extremamente prática. Ela poder fazer parte do seu café da manhã, acompanhando frutas, ser ingrediente de receitas de pães, bolos e tortas.

Castanha de caju auxilia na recuperação dos músculos

Todas as castanhas são boas fontes de proteínas. Mas a castanha de caju, em especial, possui um aminoácido chamado arginina, que além de melhorar o desempenho durante a prática de atividades físicas, auxilia na recuperação dos músculos. No entanto, é preciso cuidado com o consumo excessivo de oleaginosas que, por serem ricas em gorduras, pode resultar em ganho de peso.

Folhas verde-escuras como couve e espinafre

Além de serem fontes de ferro e outros minerais e vitaminas, ainda são fontes de proteínas. Se combinados com outros alimentos, suprem a necessidade de todos os aminoácidos. São exemplos: a couve, o brócolis e o espinafre.