Ryan Reynolds diz que perde controle sobre o corpo por causa da ansiedade

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Canadian actor Ryan Reynolds arrives for the opening night of Broadway musical
Ryan Reynolds (homem branco, de barba e cabelo castanhos; veste terno e camisa escuros) posa para os fotógrafos em evento realizado em fevereiro de 2022 (Foto: ANGELA WEISS/AFP via Getty Images)

Resumo da notícia:

  • Ryan Reynolds desabafou sobre ansiedade em entrevista recente a um programa de TV

  • O ator acredita que "outro ele" responde por suas decisões em momentos tensos

  • “Eu sinto que tenho duas partes da minha personalidade, essa assume quando isso acontece”, disse ele

Por causa da ansiedade, Ryan Reynolds às vezes sente que tem duas personalidades. Em entrevista ao programa de TV CBS Mornings, o bem-sucedido ator de 45 anos, um dos mais bem pagos de Hollywood, falou abertamente sobre problemas de saúde mental.

“Eu tive ansiedade toda a minha vida, realmente”, contou o astro de "Deadpool". Logo em seguida, ele disse que sente que perde o controle sobre o corpo em momentos tensos. “Eu sinto que tenho duas partes da minha personalidade, essa assume quando isso acontece”, completou, segundo o site Just Jared.

O ator lembrou do seu nervosismo antes de uma entrevista ao programa de entrevistas de David Letterman. “Lembro que eu estava nos bastidores antes que a cortina se abrisse e pensava comigo mesmo, ‘vou morrer’. Literalmente vou morrer aqui. A cortina vai se abrir e eu vou causar uma sinfonia de vômito, tipo, algo horrível vai acontecer!”, contou.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“Mas assim que a cortina se abriu – e isso acontece muito no meu trabalho também – é como se esse carinha assumisse o controle. E ele vem tipo, 'Eu assumo daqui. Você é legal.' Eu sinto, tipo, meu batimento cardíaco cair e minha respiração acalmar, e eu meio que me transformo em uma pessoa diferente. E eu saio da entrevista dizendo, 'Deus, eu adoraria ser esse cara!'”, finalizou.

Em entrevista ao podcast "Smartless" no ano passado, Reynolds já havia falado sobre o problema. "Vejo a ansiedade como uma espécie de combustível, às vezes para a criatividade, mas também tem as suas nuvens, leva a lugares sombrios. Sou grato à minha ansiedade porque ela me levou a evoluir e soube usá-la a meu favor", concluiu.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos