Ryan Coogler diz que fazer Pantera Negra 2 sem Chadwick Boseman dói, mas é motivador

·1 minuto de leitura

Em entrevista com Jemele Hill na People, o diretor Ryan Coogler abriu o jogo sobre o sentimento de fazer Pantera Negra 2 sem o ator Chadwick Boseman, que faleceu em agosto do ano passado.


"Eu ainda estou lidando com isso," explicou Coogler sobre o processo de luto. "Uma coisa que eu aprendi no meu tempo curto ou longo nessa Terra é que é muito difícil ter uma perspectiva de algo enquanto você está passando por aquilo. Essa é uma das coisas mais profundas que eu já enfrentei na vida, tendo que manter esse projeto andando sem essa pessoa em particular que era a cola que mantinha tudo junto."


"Esse filme dói e machuca, mas também é incrivelmente motivador," ele continuou. "Eu estou incrivelmente triste de perdê-lo mas eu também estou incrivelmente motivado por ter passado tempo com ele. Você passa a vida ouvindo sobre pessoas como ele. Para esse individuo, que agora é um ancestral, eu estava lá. É um privilégio incrível que te preenche enquanto te derruba. Tantas vezes, como pessoas negras, temos que juntar os pedaços depois de uma perda."


Pantera Negra 2 não colocará outro ator no papel de Chadwick Boseman ou usará CG para reviver o ator. O filme começa a ser filmado em julho e estreia em 2022.