Run Star Hike: que tênis é esse que as gringas não têm tirado do pé?

·2 min de leitura
Os tênis voltaram para moda (Foto: Reprodução/ Instagram @limited_resell)
Os tênis voltaram para moda (Foto: Reprodução/ Instagram @limited_resell, @anjasarea e @tillyluwa)

Por Natália Eiras

Em um passeio por Paris, na França, você se sente em um desfile de feed do Instagram. As pessoas parecem sempre impecavelmente estilosas, mesmo em uma camiseta com jeans. Nos pés, no entanto, há um tênis que tem bombado na capital da moda e em outras cidades europeias: um Converse All Star diferente, com plataforma e a sola tratorada, bicolor. É o Run Star Hike.

Leia também

Inicialmente, o modelo foi lançado em 2018, na passarela da semana de moda de Londres, no desfile da marca JW Anderson, que co-assinou, na época, o design do calçado. Ele ficou disponível para a venda no ano seguinte. Descrito como “parte Runner, parte Chuck”, a versão assinada pela grife está esgotada e, em lojas especializadas em artigos de luxo, pode chegar ao valor de R$ 4 mil.

Porém, vendo o sucesso do Run Star Hike, a Converse colocou à disposição um modelo mais simplificado do assinado por JW Anderson. A manobra levantou polêmica no mundo da moda, já que a empresa estaria lucrando com o design da grife sem dar os devidos créditos. E esta não foi a única controvérsia envolvendo o Run Star Hike: a Converse também está processando a marca Steve Madden sob a alegação de plágio.

Com polêmica ou não, o Run Star Hike é uma boa escolha para quem quer um pouco de pimenta no clássico Converse. Com uma plataforma diferenciada, o tênis chama a atenção e traz um peso para looks minimalista como uma calça jeans e camiseta, mas também combina com vestidos e visuais mais sensuais.

É um bom tênis para quem gosta de trazer alguma informação de moda e brincar com texturas e pesos diferentes. Por ser marcante e tratorado, ele acrescenta um contraste interessante para peças leves, por exemplo. Ao mesmo tempo, é uma boa adição para a adepta de um armário normcore, mas que quer fugir dos muito básicos All Star branco ou preto.

Curtiu o visual das gringas? Esta versão, mais barata, está à venda no Brasil e pode sair por R$ 500

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos