Rossy de Palma fala sobre “Madres Paralelas”, novo filme de Almodóvar: “O roteiro é perturbador”

Guilherme Araujo
·2 minuto de leitura
Longa ainda não tem data de estreia (Foto: Getty Images)
LONDON, ENGLAND - JANUARY 12: Pedro Almodovar (L) and Rossy De Palma attend an after party following the press night performance of "Woman On The Verge Of A Nervous Breakdown" at The Royal Horseguards Hotel on January 12, 2015 in London, England. (Photo by David M. Benett/Getty Images)

A atriz espanhola Rossy de Palma deu uma entrevista à agência de notícias EFE nesta semana em que falou sobre “Madres Paralelas“. O longa metragem, ainda sem data de lançamento, tem direção do cineasta e velho companheiro Pedro Almodóvar.

Na Austrália, onde grava neste momento cenas para o musical “Carmen”, Palma revelou ter se sentido impactada com a leitura.

“Ainda posso contar pouco, mas gostei muitíssimo do roteiro, a leitura foi perturbadora”, disse. “É um filmaço em que acontecem muitas coisas, todas interessantes. Li tudo quando havia acabado de chegar aqui e estava cumprindo os 14 dias de quarentena obrigatória. Fiquei uns 3 dias profundamente tocada. Me vejo em todos os filmes de Almodóvar, mas esta me afeta mais porque estarei ali como personagem”.

Mantido na geladeira por algum tempo em virtude do lockdown imposto pelas autoridades espanholas para conter o avanço da Covid-19, o filme deve se centrar na história de duas mães que dão à luz no mesmo dia. A narrativa deve acompanhar, como o próprio nome indica, as realidades paralelas das crianças em seus primeiros anos de vida.

A estreia também sinaliza uma nova mudança de temática na filmografia de Almodóvar, que sempre se interessou por questões ligadas ao desejo. No início dos anos 2000, o criador foi elogiado por fugir desse espectro cirando um movimento semelhante, que deu origem ao vencedor do Oscar de Melhor Filme Internacional, “Todo Sobre Mi Madre”.

Outras duas musas estão confirmadas no elenco. Penélope Cruz e Aitana Sánches Gijón, ambas veteranas, devem dividir o protagonismo.