Rodrigo Faro conta que cortou gastos com crise: "Redução de salário"

Redação Vida e Estilo
·2 minuto de leitura
Rodrigo Faro. Foto: reprodução/Instagram/rodrigofaro
Rodrigo Faro. Foto: reprodução/Instagram/rodrigofaro

A pandemia do novo coronavírus obrigou Rodrigo Faro a cortar alguns gastos. Foi o que o apresentador contou no quadro “No Colchão com o Faro”, transmitido em seu Instagram na última sexta-feira (29). O comunicador da TV Record explicou que a crise promoveu cortes de salário e redução de renda vinculada a publicidades nesse período.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

“Sabendo que você é um dos maiores apresentadores da TV e que todo mundo fica confabulando: ‘O Faro ganha tanto, o Faro é rico’. Você teve de cortar gastos por causa do coronavírus?”, perguntou Carlinhos.

Leia também:

O apresentador, então, explicou que não passou incólume pelos efeitos da crise. “Tive de cortar, sim. Todo mundo teve. A gente teve uma redução muito grande de salário e de merchand”, contou Faro.

Segundo o programa “A Tarde É Sua”, o apresentador, que tem um salário estimado em cerca de R$ 1 milhão, fez um acordo com a emissora e aceitou receber os vencimentos do mês de abril apenas em 2021. Tudo para evitar demissões na equipe da “Hora do Faro”.

Ainda no bate-papo, Faro comentou como tem passado a quarentena com a mulher, Vera Viel, e as filhas, Clara, Helena e Maria.

“Meu sonho era ficar com minha família. Agora que estou tendo a oportunidade de ficar com elas. Estou achando maravilhoso”, garantiu.