Rodrigo Bocardi é acusado de assédio moral e rebate ao vivo: "Uma brincadeira"

Rodrigo Bocardi no
Rodrigo Bocardi no "Bom Dia São Paulo". Foto: Reprodução/Globo

Resumo da notícia:

  • Rodrigo Bocardi foi acusado de assédio moral por internauta ao ler comentário ao vivo

  • Jornalista rebateu acusação em conversa com repórter durante o telejornal "Bom Dia São Paulo"

  • Apresentador pontuou que estaria brincando com o colega de profissão

Rodrigo Bocardi se deparou com uma acusação de assédio moral durante exibição do "Bom Dia São Paulo", da TV Globo, desta quarta-feira (24). Ao ler comentários dos internautas sobre o "Desafio do PVC", o jornalista foi criticado pela maneira como trata o repórter esportivo Alessandro Jodar e fez questão de rebater a declaração.

“Tem uma mensagem da Tatá que eu li aqui e fiquei triste com o que ela falou. Mas eu tenho certeza que você (Jodar) não a reconhece como verdadeira“, iniciou Bocardi ao reproduzir a mensagem ao vivo no telejornal. “Constrangedora essa cena. O Bocardi já ouviu falar em assédio moral? Exatamente o que ele faz com o repórter do Esporte ao lado dele. Pra que expor ao vivo o profissional?’”, diz o comentário.

Vale ressaltar que o comentário polêmico foi lido após o âncora do telejornal dizer que não havia curtido o questionário montado pela produção para o quadro de perguntas para Paulo Vinícius Coelho (PVC).

“Já que vocês aumentaram para cinco [alternativas], eu me sinto em condições desfavoráveis no exercício de um raciocínio agora ou de um chute. O que você acha? […] Vocês não entregaram aquilo que eu imaginava, que eu esperava. Vieram com o mesmo desafio com cinco possibilidades de resposta”, afirmou Bocardi antes de ser acusado de assédio moral pela internauta identificada como Tatá.

Na sequência, Alessandro respondeu o comentário que cita seu nome e tentou desmentir o tom negativo dado pela espectadora. “Magina. Não cai nessa“, afirmou Alessandro. “Vou te dar um beijo, Jodar. Tatá, um beijo pra você. Jodar manda outro. Nós nos amamos”, completou Rodrigo.

Jodar ainda disse que não irá se importar com a mensagem e pediu que Bocardi não se importasse também, porque suas brincadeiras seriam tranquilas. “Eu não caio na pilha, e você vai cair? Não...É tranquilo”, disse o repórter. “Uma brincadeira”, pontuou Rodrigo Bocardi.