Rod Stewart e o filho são indiciados por agressão após confusão em hotel de luxo nos EUA

*ARQUIVO* RIO DE JANEIRO, RJ, 19.09.2015 - O cantor e compositor Rod Stewart. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O músico Rod Stewart, 74, e seu filho Sean, 39, foram indiciados por agressão após uma confusão ao tentarem entrar em uma festa infantil que acontecia numa área privada de um hotel de luxo em Palm Beach, na Flórida, na Virada do Ano. Os dois teriam empurrado e dado um soco em um segurança. 

Segundo o jornal Daily Mail, o funcionário do hotel, identificado como Jessie Dixon, disse à polícia que estava trabalhando em um evento privado, quando um grupo de pessoas tentou entrar, mesmo sem estarem na lista de convidados. Ao serem barradas, essas pessoas teriam "ficado barulhentas e iniciado uma cena". 

Ainda em seu depoimento, o segurança afirmou que Sean Stewart ficou muito próximo dele e se recusou a recuar. O guarda teria colocado a mão no peito do filho de Rod, que respondeu com um empurrão. Em seguida, o cantor teria dado um passo para a frente e desferido um soco no peito do segurança. 

À polícia, o músico disse que tentou levar as crianças de sua família até a festa e que Dixon teria iniciado uma discussão, que acabou deixando todos agitados. De acordo com a polícia, Rod se desculpou pelo ocorrido. Apesar disso, o segurança afirmou que deseja prosseguir com as acusações. 

Segundo o Daily Mail, dois funcionários do hotel presenciaram a confusão e confirmaram em depoimento que Sean empurrou o segurança e que Rod o atingiu com um soco. Câmeras de segurança também foram analisadas e concluíram que o musico e seu filho foram os principais agressores, de acordo com relatório da polícia. 

Com isso, Rod recebeu um aviso para comparecer ao complexo judiciário em 5 de fevereiro. Ele já havia sido preso três vezes na década de 1960, por participar de protestos pelo desarmamento nuclear. Já Sean foi preso três vezes desde 2020 por agressão, dirigir sem licença e por invasão de uma área restrita no aeroporto de Miami.