Roberta Miranda é barrada por segurança de Gusttavo Lima

Foto: Reprodução/Instagram (@robertamiranda/@gusttavolima)

Roberta Miranda se envolveu em uma polêmica com um dos seguranças do cantor Gusttavo Lima na noite deste domingo (20). A cantora contou no Instagram que foi ao Anhembi, onde o músico se apresentou em São Paulo, assim que soube que ele não estava bem. Ao chegar no local, a artista foi barrada e impedida de falar com o amigo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Vocês que me conhecem sabem muito bem que me preocupo com A, com B, seja amigo ou colega. Tenho isso dentro de mim. Vim dar um abraço no Gusttavo Lima porque fiquei sabendo que ele passou mal ontem em Belo Horizonte. Hoje passou mal de novo e chegou até ambulância para socorrer. Aí desci do carro e falei com o Marquinhos (produtor) para levarem no Albert Einstein ou no Sírio Libanês porque sou amiga dos médicos”, iniciou ela.

Leia também:

Durante o desabafo em vídeo, Roberta disse que Paulão, como é conhecido um dos seguranças do cantor, “meteu a mão no meio” e falou que ela não podia entrar na área restrita para falar com Gusttavo Lima. A cantora ficou bem chateada porque sua intenção era apenas ajudar.

“Eu disse que só ia dar um abraço nele, que já estou acostumada com essa correria, que conheço vários médicos. A assessora veio correndo e disse que ele já ia entrar no palco. Pedi para dar um abraço rápido antes dele entrar e me dirigi a rampa. Aí esse segurança do Gusttavo Lima, o Paulão, me barrou de novo”, reclamou a sertaneja.

Irritada com a situação, Roberta disse que rebateu o profissional na mesma hora, mas não foi compreendida. “Eu disse: ‘Poxa, Paulão, não é assim que se faz com as pessoas. Cara, meu segurança trabalha comigo há anos e se um dia ele maltratar um colega meu ou um fã eu boto pra fora na mesma hora’. Vontade de dar um tranco nesse Paulão eu tive, mas vim embora. É nojento o que esse cara fez comigo”, lamentou a cantora.

Ainda segundo ela, ninguém a fez passar por uma humilhação dessas em 33 anos de carreira. “Sendo eu a representante da música sertaneja, sendo eu, querendo ou não, uma mulher. Ele poderia ser mais educado, mas se invocou. O negócio dele foi nojento. Quero ir embora, estou fora desse tipo de gente sem elegância, sem educação. Estou fora!”, finalizou.

Mais tarde, Roberta publicou outro vídeo dizendo que Paulão não tem educação e é um “forte candidato a levar chifre das mulheres” porque “homem tem que ter elegância”: “Você acha que tem poder? Na hora que Deus te apontar o dedo você vai ver o poder que você tem. Estou indignada com você. Estou com ânsia de vômito! Deus me livre ter um segurança como você. Eu mandava embora.”

Após o show, Gusttavo Lima não comentou a polêmica com Roberta Miranda, mas confirmou no Instagram que não estava se sentindo bem. Durante a apresentação, que quase foi cancelada, ele ficou de pé aguentando 40 graus de febre, dores na cabeça e em todo o corpo devido uma intoxicação alimentar.

“O que seria o pior dia da minha vida como profissional, se transformou no dia mais gratificante da minha vida! O carinho, o respeito do público, a compaixão pelo estado que me encontrava, quero muito agradecer aos paramédicos que me medicaram durante uma hora no camarim... Amo o que faço e sempre vou me doar ao máximo”, disse ele.

Procurada, a assessoria de Gusttavo também não comentou o assunto.