Rio voltará a ter Carnaval na Sapucaí em 2022, dizem escolas de samba

·1 minuto de leitura
Desfile de escola de samba na Marquês de Sapucaí

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - As escolas de samba do Rio de Janeiro voltarão a desfilar na Marquês de Sapucaí no Carnaval de 2022, depois que o espetáculo deste ano foi cancelado devido à pandemia de Covid-19, informou nesta quinta-feira a entidade que representa as agremiações.

De acordo com a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), que assinou contrato com a prefeitura para realização do Carnaval pelos próximos quatro anos, os desfiles do próximo ano devem acontecer com a presença de público nas arquibancadas do Sambódromo devido ao avanço da campanha de imunização no país.

“A vacinação em massa nos dá expectativa de que teremos um Carnaval completo e grandioso novamente na Sapucaí", disse o presidente da Liesa, Jorge Perlingeiro, à Reuters.

"Ainda temos sete meses pela frente para um controle ainda maior da doença“, acrescentou. "Trabalhamos com a perspectiva de presença de público nas arquibancadas, camarotes e frisas. Para ser economicamente viável, o Carnaval na Sapucaí tem que ter pelo menos 70% de capacidade.“

Neste ano, o Rio não teve Carnaval nem na Sapucaí nem com os tradicionais blocos de rua devido à pandemia.

O primeiro caso de Covid-19 no Brasil foi registrado em fevereiro de 2020, logo após o Carnaval daquele ano, e especialistas acreditam que o coronavírus já estava em circulação no país durante o período de festas, o que teria contribuído para ampla disseminação da doença.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos