Ricky Martin fala pela primeira vez após acusações de incesto e abuso

Ricky Martin credit:Bang Showbiz
Ricky Martin credit:Bang Showbiz

Ricky Martin quebrou o silêncio sobre as alegações de incesto e abuso de seu sobrinho, dizendo que não as desejaria a ninguém.

O cantor, 50, acrescentou que voltará à música como forma de terapia depois que as acusações foram retiradas na última quinta-feira (21) em um breve caso que o impediu de se manifestar até o momento por conta de obrigações legais.

“Estou na frente das câmeras hoje porque preciso muito falar para conseguir iniciar meu processo de cura”. Por duas semanas não tive permissão para me defender porque estava seguindo procedimentos em que a lei não me permitia falar até estar na frente de um juiz. Graças a Deus, foi provado que as alegações são falsas. Eu vou te dizer a verdade. Tem sido tão doloroso, tem sido devastador para mim, para minha família, para meus amigos. Não desejo isso para ninguém”, lamentou.

Ordem de restrição temporária

O sobrinho de Ricky, Dennis Yadiel Sanchez, 21, entrou com uma ordem de restrição temporária contra o cantor em 1º de julho, alegando que ele teve um relacionamento sexual com seu tio, onde alega ter se tornado abusivo e houve perseguição por parte do artista após o término do suposto relacionamento.

Caso o cantor - que negou veementemente as acusações - , tivesse sido condenado, poderia pegar até 50 anos de prisão.

“Para a pessoa que estava alegando esse absurdo, desejo o melhor. Desejo que ele encontre a ajuda para que ele possa começar uma nova vida cheia de amor, verdade e alegria e que ele não machuque mais ninguém. Agora, minha prioridade é curar e como faço para curar? Com música. Mal posso esperar para voltar ao palco. Mal posso esperar para estar de volta na frente das câmeras e me divertir, que é o que eu faço de melhor'', disse Ricky.

''Obrigado a todos os meus amigos. Obrigado a todos os fãs que sempre acreditaram em mim. Vocês não tem ideia da força que me deram a cada comentário que escreveram nas redes sociais'', agradeceu o músico.

“Desejo amor e luz e aqui vamos nós com a mesma força e paixão. Deus abençoe todos vocês", finalizou.

Um juiz porto-riquenho indeferiu a ordem de restrição obtida contra Ricky a pedido do próprio sobrinho.

Ricky apareceu no tribunal via Zoom, mas supostamente ficou em silêncio, com sua equipe jurídica classificando as alegações contra ele como “repugnantes”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos