Review | Marvel Snap

Quer ter os Guardiões da Galáxia na palma da sua mão, com armas em punho e até mesmo em batalha ao lado de Yondu mais uma vez? Ou que tal reunir sua equipe dos Vingadores e batalhar na Torre Stark, no Central Park e no Clarim Diário? Esses são os tipos de equipes dos sonhos e cenários fantásticos que Marvel Snap permite, e seu excelente uso da licença da Marvel é embalado em um jogo de cartas portátil e vigoroso, onde as partidas são curtas, a jogabilidade é fácil de entender e você é incentivado a entrar no game todo dia. Para estragar um pouco esse fanfest, no entanto, temos o processo real de construção de sua coleção de cartas, que descobri ser uma longa rotina que eventualmente perde seu ímpeto inicial.

Marvel Snap é maravilhosamente simplificado: seu baralho consiste em apenas 12 cartas - sem duplicatas - e os jogos duram seis rodadas. O tabuleiro tem três locais para disputar, porém os locais que aparecem são aleatórios e retirados de um grande pool, com um revelado a cada turno nas três primeiras rodadas. Os jogadores organizam suas ações simultaneamente a cada rodada, e decidem como gastar sua energia disponível (que aumenta conforme a partida avança) para jogar cartas nos locais de sua escolha. Assim que ambos os jogadores terminam seu turno, as cartas são reveladas uma de cada vez, e ativam seus efeitos. O objetivo final é ter mais poder do que seu oponente em dois dos três locais, então há uma quantidade impressionante de estratégia na escolha de onde jogar su...

Review | Marvel Snap
Leia Mais