Regé-Jean Page, de 'Bridgerton', é confirmado ao lado de Wagner Moura em filme

O ator Regé-Jean Page em 'Bridgerton' (Foto: Liam Daniel/Netflix)
O ator Regé-Jean Page em 'Bridgerton' (Foto: Liam Daniel/Netflix)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Sucesso na série mais assistida da história da Netflix, "Bridgerton", o ator britânico Regé-Jean Page, 31, acaba de ser confirmado para o filme "The Grey Man". No longa, ele poderá contracenar com o brasileiro Wagner Moura, 44, que também ganhará um papel.

De acordo com o Deadline, além de Page, que não teve papel revelado, Billy Bob Thorton, Alfre Woodard, Chris Evans, Ryan Gosling e Ana De Armas são outros dos nomes já confirmados na produção que terá muito investimento da Netflix. O site aponta que as gravações estão marcadas para começar em suas semanas em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Leia também

O longa é baseado no best-seller de mesmo nome escrito por Mark Greaney e lançado em 2009. A história aborda um um assassino e ex-agente da CIA que é perseguido pelo mundo todo. Regé-Jean Page está bem na foto. Em fevereiro, ele entrou para o elenco do "Dungeons and Dragons", produção que ganhará live-action pela Paramount. Segundo o The Hollywood Reporter, o papel será de destaque. A produção já conta com Chris Pine, Michelle Rodriguez e Justice Smith e terá como diretores e roteiristas Jonathan Goldstein e John Francis Daley. Ainda não há detalhes sobre enredo e data de lançamento.

A novidade chega após grande momento vivido por Page. Ele tem sido cotado para ser o novo James Bond nos cinemas. Segundo a revista Variety, as probabilidades de quem assumirá o cargo deixado por Daniel Craig têm sido vistas de perto pela casa de apostas britânica Ladbrokes e no Reino Unido. E Regé está bem cotado, subindo nas pesquisas. As especulações só aumentaram depois de o ator publicar em suas redes sociais a frase "Abalado e mexido", famosa expressão dita pelo então personagem de Daniel Craig na franquia.

A série "Bridgerton" estreou em 25 de dezembro e é a primeira obra da produtora Shonda Rhimes, 51, para o serviço de streaming. A primeira temporada terminou as gravações no Reino Unido em fevereiro de 2020, poucos dias antes de as produções serem suspensas em toda a indústria por causa da pandemia.