Nada de beijos ou roupas sujas! 9 dicas para quem vai visitar um recém-nascido

(Foto: Getty Creative)
(Foto: Getty Creative)

Quando um bebê nasce, é normal querer conhecê-lo ainda na maternidade. Afinal, esperamos ansiosos pela chegada dele por nove meses. Quem pretende visitar um recém-nascido, no entanto, precisa saber que trata-se de um momento delicado para a família.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

A pediatra Mariana Jordão Freitas, do Hospital Edmundo Vasconcelos, explica que alguns cuidados são fundamentais para preservar a saúde sensível do pequeno e a intimidade dos pais.

Leia também

A criança é considerada recém-nascida até os 28 dias de vida e, de acordo com a especialista, o ideal é que ela só receba visitas após este período. Mas como alguns encontros são inevitáveis, listamos 9 orientações para quem vai entrar em contato com um bebê que acabou de nascer.

1. Espere que os pais te convidem

É preciso ter certeza de que a família deseja recebê-lo na maternidade ou em casa. Ligue antes, se necessário. Se a resposta for negativa, saiba que não se trata de grosseria: além de atrapalhar a amamentação e o sono do bebê, a visita pode ser desconfortável os pais, que estão tentando criar uma nova rotina juntos.

2. Faça visitas breves

Receber amigos e familiares requer esforço por parte da mãe e do pai. Eles estão encarando um novo momento e também precisam descansar quando não estão dando atenção para o filho. A visita é uma forma de demonstrar carinho e apoio, mas encontros de 20 minutos (no máximo) são suficientes para não incomodá-los.

3. Se você está doente, não entre em contato com o recém-nascido

Recupere-se antes entrar em contato com o neném, mesmo que você tenha “apenas um resfriadinho”. O sistema imunológico dele ainda está em desenvolvimento e o contato com vírus ou bactérias pode ser nocivo. Você é um ente muito próximo da família e não visitá-lo está fora de cogitação? Use máscara protetora, reforce a higienização das mãos e mantenha distância.

4. Use roupas limpas

Quando estamos na rua, entramos em contato com poluição, sujeira e muitas outras pessoas. Por isso, a recomendação é visitar o bebê de banho tomado e roupas limpas.

(Foto: Getty Creative)
(Foto: Getty Creative)

5. Tome cuidado com cheiros fortes

As nossas roupas carregam cheiros que podem desencadear um processo alérgico no bebê. Evite usar perfumes e desodorantes com fragrância. Os fumantes também devem não fumar antes de sair de casa por conta da fumaça.

6. Lave bem as mãos

Higienize as mãos com água e sabonete neutro mesmo que você não vá pegar o neném no colo. Álcool gel também é um grande aliado neste momento. Assim, evita-se a proliferação de bactérias no ambiente em que ele está.

7. Pergunte se você pode pegar o neném no colo

Peça a autorização antes de pegá-lo no colo e tenha bastante cuidado. Não dê chacoalhões e nem fique o ninando. Os pais podem dizer como preferem que você carregue o pequenino.

8. Nada de beijos

Tanto no rosto quanto no corpinho e nas roupas da criança. Neste primeiro momento, algo que é uma manifestação de carinho também é um grande vilão infeccioso. O bebê pode ter herpes, bronquiolite e ser contaminado por outros vírus, como o da gripe e da meningite.

9. Evite o encontro de outras crianças com o bebê

Crianças frequentam escolas onde estão em contato com muitas outras crianças. Além do ambiente hospitalar também não ser adequado para ele, os baixinhos podem ser transmissores de germes para o recém-nascido.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos