Raul Gazolla diz que assassinato de Daniella Perez foi fator relevante para infarto que sofreu

Raul Gazolla © Instagram credit:Bang Showbiz
Raul Gazolla © Instagram credit:Bang Showbiz

Raul Gazolla citou a morte da ex-mulher, Daniella Perez, como um dos fatores que colaboraram para os infartos que sofreu.

O ator, de 67 anos, – que já havia compartilhado detalhes sobre sua saúde -, contou em 2021, que sobreviveu a 4 paradas cardíacas, sendo a primeira quando estava perto de embarcar em um avião, em 2010. Raul sofreu o segundo ataque cardíaco em 2011 e outros dois em 2012.

‘’O primeiro [causador] é hereditário e outro fator é o estresse. Eu tive alguns estresses na minha vida. Um, que a gente já sabe, que foi o assassinato da minha mulher, e eu tive um outro estresse muito grande na minha vida, que foi: eu tinha um sobrinho, de 22 anos, que morreu atropelado por um trem em Minas Gerais’’, lamentou ele durante entrevista ao podcast ‘PodSempre’.

Gazolla relembrou a morte de Guilherme de Pádua, sentenciado a 19 anos de prisão pelo assassinato brutal da filha da autora de novelas Glória Perez, mas liberado "por bom comportamento" após cumprir um terço da pena. Guilherme cometeu o homicídio com a participação da então esposa, Paula Thomaz.

O ex-ator - que tinha 53 anos e cumpriu pena de seis anos e nove meses pelo crime que chocou o Brasil, em 1992 - sofreu um infarto em sua casa, em Belo Horizonte, em novembro de 2022.

‘’Ele não pagou (o que fez) na prisão, mas pagou com a vida. O demônio não vem com chifre na cabeça, pintado de vermelho, com rabo. O demônio vem disfarçado de anjo. Ele estava na igreja disfarçado de pastor, falando a palavra de Deus. (...) Senti alegria e raiva’’, disse Raul.