Rapper mexicano implanta correntes de ouro na cabeça

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O rapper mexicano Dan Sur, 23, compartilhou com seus fãs do TikTok, onde possui 1,9 milhão de seguidores, uma mudança no visual. O artista implantou cirurgicamente em seu couro cabeludo uma variedade de correntes de ouro.

"A verdade é que eu queria fazer algo diferente porque vejo que todo mundo pinta o cabelo. Espero que nem todos me copiem agora", afirmou no vídeo. Ele ainda afirma ser o "primeiro rapper na história da humanidade" a usar correntes de ouro como "cabelo".

Sur teria passado pela cirurgia em abril, e implantado ganchos em seu couro cabeludo. "Tenho isso como um gancho implantado na minha cabeça e esse gancho tem ganchos e eles estão todos enganchados no meu crânio, sob minha pele", explicou o cantor em outro registro.

"Este é o meu cabelo. Cabelos dourados. O primeiro rapper a ter cabelo dourado implantado na história da humanidade". Segundo o site New York Post, o rapper teria sido inspirado por Lil Uzi Vert, 26, que no início deste ano anunciou que gastou US$ 24 milhões, cerca de R$ 124 milhões, em um diamante rosa "natural" implantado na testa.

Em setembro, Vert falou ao TMZ que pulou no meio de uma multidão durante show no festival de música Rolling Loud, em julho, e eles arrancaram a pedra. "Eu fiz um show na Rolling Loud e pulei no meio da multidão e eles meio que arrancaram tudo. Estou me sentindo bem, ainda tenho o diamante, então me sinto bem", disse o rapper.

Em janeiro, ele havia publicado no Twitter que estava pagando há anos por um diamante rosa natural. "Esta pedra custou tanto que estou pagando por ela desde 2017. Foi a primeira vez que vi um diamante real rosa natural. Muito minha cara", disse o rapper que incluiu na publicação vários emojis de bolsa de dinheiro e um emoji de diamante.

O rapper também respondeu perguntas dos seguidores nas redes sociais e deu mais detalhes sobre o diamante, como que a pedra tem entre 10 e 11 quilates. Sobre ainda ser rico após comprar a pedra, ele respondeu: "Sim, é por isso que demorou 5 anos."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos