Governanta de Elizabeth II, brasileira conta climão na cozinha da rainha: “Mãos ocupadas”

·2 minuto de leitura
WINDSOR, UNITED KINGDOM - JULY 04: (EMBARGOED FOR PUBLICATION IN UK NEWSPAPERS UNTIL 24 HOURS AFTER CREATE DATE AND TIME) Queen Elizabeth II watches her horse 'Daydream III' compete in and win the 'Intermediate Show Riding Type' class on day 4 of the Royal Windsor Horse Show in Home Park, Windsor Castle on July 4, 2021 in Windsor, England. (Photo by Max Mumby/Indigo/Getty Images)
Rainha Elizabeth II quase deu bronca em governanta brasileira (Photo by Max Mumby/Indigo/Getty Images)

O Palácio de Buckingham é um sinônimo de luxo, riqueza e ostentação, além do poder. E foi nesse lugar que a brasileira Danielle Cabral trabalhou por seis anos servindo diretamente à rainha Elizabeth II e à família real inglesa.

E entre um Sua Majestade para cá e Sua Alteza Real para lá, ela contou que uma vez passou por uma situação que tinha tudo para dar muito errado com ela mesma, Elizabeth II, a rainha. A história foi contada durante uma entrevista a Maurício Meirelles no podcast ‘Achismo’.

Leia também:

O fato aconteceu em um dia que ela precisou ir buscar comida para alguns funcionários em uma cozinha da ala residencial do Palácio, que era usada diretamente por ela e o falecido marido, príncipe Philip. E durante o fato ela foi surpreendida por um cachorro.

Corrida com o que tinha para fazer, ela jurou que o pet era de outra governanta que cuidava da área e tentou espantar o bichinho com o pé. Mas ela se enganou... “Só ouvi a voz da rainha”, disse com o coração na boca.

“Naquela hora eu fiquei gelada. Falei ‘meu Deus o que que eu fiz’, e ela falando para o cachorro parar. Só olhei para trás, daí falei para ela me desculpar, (e disse): ‘só pus o pé pra afastar, não estava chutando o cachorro, estava com as mãos ocupadas com comida’”, lembrou.

Sabendo que Elizabeth II é muito apegada aos seus animais, que vivem soltos em todo o palácio, ela pensou que seria demitida sumariamente, mas o jogo virou. “Ela falava: ‘Não tem problema, ele que está no lugar errado’”, contou com alívio.

Além desse momento tenso, para ela, a rainha é uma pessoa simples dentro do possível. “Muito humilde. Uma pessoa que, se tiver a oportunidade, conversa com você e te trata super bem. Nunca fui maltratada por nenhum membro da família real”, conclui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos