Rafael Zulu sobre beijo gay em novela da Globo: 'Necessário'

Ator protagonizou cena polêmica ao lado de Eriberto Leão (Reprodução/TV Globo)

O ator Rafael Zulu, 35, conversou com a revista “Quem” e opinou sobre o beijo gay que ele protagonizou no final da novela “O Outro Lado do Paraíso” junto com Eriberto Leão, 45.

“Uma repercussão gigantesca, nunca tinha vivido isso. Porém, foi necessário para que a gente tenha certeza de que o nosso país e as nossas famílias precisam entender que o amor é válido independente da forma. Recebi muito carinho de todos os lados, e sinceramente também achei a cena bem bonita, bem construída!”, declarou o artista da TV Globo para a publicação.

Leia mais:
Angélica e Luciano Huck divulgam clique raro ao lado dos filhos
Mara Maravilha revela nome do filho que vai adotar e diz: ‘Preciso dessa luz’

Agora quando o assunto é a falta de atores negros nas novelas, Rafael comentou que isso é mais frequente nos cinemas. “É muito importante, sim. Mas, o cinema nos permite ir além, sem cairmos obrigatoriamente nesses clichês já estabelecidos. Me vejo como um artista que tem por obrigação combater e denunciar tudo que está ligado ao preconceito. Vivemos hoje, mais do que nunca, um momento de conscientização política, é só vejo isso como positivo“, falou ele.