'Queria ser mais leve, menos professorinha', diz Paola Carosella sobre novo programa

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP - Retrato da chef de cozinha Paola Carosella. (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP - Retrato da chef de cozinha Paola Carosella. (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Um ano depois de deixar o MasterChef, Paola Carosella faz sua estreia na Globo com o Minha Mãe Cozinha Melhor Que a Sua. O programa, que estreia no dia 29 e irá ao ar nas tardes de domingo, até tem um quê de competição, mas passa longe da pressão do reality culinário da Band, que a deixou famosa em todo o Brasil.

Até por isso, a chef de cozinha, nascida na Argentina, jura ter deixado a postura mais crítica para trás. "Quando recebi o convite, vi que queria estar em outro lugar" afirmou em bate-papo com jornalistas para apresentar o programa. "Queria ser mais leve, menos professorinha e sair um pouco desse lugar de chef de cozinha. Queria quebrar um pouco essa imagem de durona."

Ela diz ter ciência de que essa visão que parte do público tinha dela veio dos duros julgamentos que fazia dos pratos de alguns dos competidores do MasterChef, e garante que vai surpreender na nova atração. "Agora é completamente diferente. O clima é mais familiar e de diversão mesmo."

No programa, Paola terá a seu lado o chef João Diamante, assim como ela muito reconhecido no meio gastronômico. Já a apresentação fica a cargo de Leandro Hassum, que estreia na função na TV aberta (ele comandou o programa 2000 e Vishhh, na TNT).

O humorista revelou que não é totalmente leigo na cozinha. "Morei na França por um tempo. Fui estudar no Cirque du Soleil e, nas horas vagas, fazia cursos livres. Fiz vários de culinária. Sei fazer risoto e macaron", gaba-se.

Na atração, a cada semana, três diferentes duplas de mães e filhos famosos colocam a mão na massa, mas só uma sai vencedora. Douglas Souza, Mumuzinho, Juliana Paiva e Mariana Neiva são alguns dos convidados já confirmados na primeira temporada, que terá dez episódios.