“Queria abraçar alguém com coronavírus e pegar logo”, diz Carla Zambelli

Anita Efraim
·1 minuto de leitura
In this May 29, 2019 handout photo provided by Agencia Brasil, Brazil's President Jair Bolsonaro listens as Carla Zambelli whispers into his ear during a meeting at Congress, in Brasilia, Brazil. Several weeks after publishing explosive reports on a top member of Brazil’s far-right government, U.S. journalist Glenn Greenwald sat before the Human Rights and Minorities Commission. During the June 25 hearing Zambelli told Greenwald: "If you don't prove this information, it is fake and you're a liar. If it's true, then you're a criminal because you hacked someone's phone." (Marcelo Camargo/Agencia Brasil via AP)
Deputada Federal Carla Zambelli é apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (Foto: Marcelo Camargo/Agencia Brasil via AP)

Envolvida nas mais recentes polêmicas do governo, Carla Zambelli (PSL) afirmou que gostaria de “pegar logo” coronavírus. A declaração foi dada em entrevista ao programa Pânico, da Rádio Jovem Pan.

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Questionada se pegou a doença, a deputada federal disse que, até agora, não. “Mas eu queria abraçar alguém com coronavírus para pegar logo e tirar isso da minha cabeça, ficar 14 dias, sei lá, tomar cloroquina”, afirmou. Carla Zambelli logo foi repreendida pelos integrantes da bancada do programa.

O Brasil tem mais de 63 mil casos confirmados da doença e 4.338 mortes pela Covid-19.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Carla Zambelli está em destaque no noticiário político do país após ter trocas de mensagens com Sergio Moro divulgadas pelo ex-ministro. A deputada federal, que é apoiadora do presidente Jair Bolsonaro, primeiro defendeu que Moro ficasse no cargo, mas, depois, disse que sentiu traída ao ter as mensagens expostas.

Leia também

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.