Quem é Marietta Baderna, que inspirou um dos figurinos de pré-Carnaval de Anitta

E, sim, o termo usado em situações de total desordem surgiu a partir do sobrenome dessa mulher

Anitta (Foto: Getty Images)
Anitta (Foto: Getty Images)

Todo ano, os fãs aguardam ansiosamente pelo momento em que Anitta revela o tema e os primeiros looks dos shows de Carnaval. E em 2023 não foi diferente: agora, a cantora, que já revisitou a própria videografia e encarnou personagens de videogame, por exemplo, presta tributo a “mulheres guerreiras” que marcaram a história do nosso país.

Para a apresentação que rolou no último domingo (8), no Rio Janeiro, ela usou um figurino inspirado em Marietta Baderna e conversou o Yahoo sobre a escolha da bailarina italiana como uma das referências da vez.

“Ela é a mulher por trás do termo ‘baderna’, uma revolucionária. Ou seja, tem tudo a ver com o conceito no qual decidimos trabalhar este ano“, contou a Poderosa. Confira, na íntegra, um resumo feito pela equipe de Anitta para (re)apresentar Baderna ao público:

"'Baderna' é um substantivo feminino de origem brasileira que quer dizer 'situação em que reina a desordem; confusão; bagunça', sendo uma justificativa utilizada para todo tipo de repressão por autoridades. Por trás desse signo de desordem, existiu uma mulher forte, talentosa e fascinante — e um séquito de seguidores que a admirava.

Marietta Baderna nasceu na Itália, em 1828, filha de uma artista e um revolucionário. Entrou na arte por meio do balé, aos 12 anos de idade. Veio para o Brasil em 1849, quando o país era ainda um conservador império escravocrata governado por Dom Pedro II.

Baderna não era revolucionária somente em suas orientações políticas, mas também em seus costumes. Apreciadora de festejos populares, do álcool e do sexo, por mais que dançasse nos salões mais tradicionais, a jovem gostava mesmo era da rua, onde conheceu a resistência dos escravos e, principalmente, que se apaixonou pelas danças que coreografavam tal resistência nos corpos das mulheres negras e assim, aos poucos, foi mudando sua forma de dançar e se tornando uma bailarina do povo."

Pré-Carnaval

Além de Marietta Baderna, Anitta também homenageou Tieta do Agreste, personagem de Jorge Amado, em seu primeiro ensaio de Carnaval, realizado no sábado (7), em Salvador. A história da personagem foi adaptada para as telinhas em 1989, interpretada por Betty Faria.

A turnê passará ainda por Jurerê (14), São Paulo (15), Brasília (21) e Recife (28), em janeiro, e por São Paulo (11) e Curitiba (12), em fevereiro. Com o sucesso da edição carioca, a equipe abriu uma data extra na agenda da Poderosa: Anitta volta a se apresentar na cidade em 29 de janeiro.