‘Quase morri de overdose em 2007’, confessa Eminem

Eminem comenta overdose quase fatal em 2007 credit:Bang Showbiz
Eminem comenta overdose quase fatal em 2007 credit:Bang Showbiz

Eminem disse que a overdose de 2007 que quase o matou “foi uma droga”.

O rapper, de 50 anos, fez a confissão quando foi empossado no Rock and Roll Hall of Fame no último fim de semana e pediu à sua filha Hailie Jade Mathers, 26, para tapar os ouvidos enquanto ele falava sobre suas lutas contra o vício.

Ele disse: “Percebo que é uma honra estar aqui esta noite e que privilégio é fazer a música que amo. A música basicamente salvou minha vida… Vou manter isso o mais indolor possível, estou gaguejando. Eu provavelmente não deveria estar aqui esta noite por algumas razões. Quase morri de overdose em 2007, o que foi uma droga. Hailie, tapa os ouvidos. Porque as drogas eram deliciosas pra caramba. Eu pensei que tínhamos uma coisa boa acontecendo, mas eu tive que ir e f***r tudo – caramba.”

A câmera então fez uma panorâmica para sua filha, que apertou os lábios e balançou a cabeça.

O astro do sucesso ‘Lose Yourself’, que foi empossado por seu colaborador e amigo de longa data, Dr Dre, na cerimônia no Microsoft Theater, em Los Angeles, continuou: “Espere aí, eu perdi o fio da meada… eu disse que as drogas eram deliciosas, certo? E, finalmente, eu realmente tive que lutar contra o homem para tentar avançar nessa música, e estou muito honrado e muito grato por ser capaz de estar aqui fazendo música hip-hop, cara, porque eu a amo muito.”

Eminem também se apresentou na 37ª cerimônia anual de indução do Rock and Roll Hall of Fame, abrindo com uma versão de sua música de 1999, 'My Name Is’, e seguindo com 'Rap God' e 'Sing for the Moment'.