Quanto o Palmeiras vai faturar da Crefisa em caso de títulos

Jorge Nicola
·2 minuto de leitura
Patrocinadora do Palmeiras já pagou R$ 4 milhões pelo título do Paulistão (Arquivo pessoal/Instagram)
Patrocinadora do Palmeiras já pagou R$ 4 milhões pelo título do Paulistão (Arquivo pessoal/Instagram)

Além de pagar o maior patrocínio do futebol na América do Sul - cerca de R$ 100 milhões -, o contrato da Crefisa com o Palmeiras ainda prevê bônus por títulos de todos os torneios que o clube disputa. E o Verdão pode embolsar nos próximos dias R$ 18 milhões da Leila Pereira.

É que o prêmio pela conquista da Libertadores é de R$ 12 milhões, enquanto a taça da Copa do Brasil vale outros R$ 6 milhões. Sem se esquecer que o Paulistão, conquistado em cima do Corinthians, nos pênaltis, já garantiu R$ 4 milhões.

Mas as boas notícias não param por aí. Em caso de título da Libertadores, o Palmeiras asseguraria classificação para o Mundial de Clubes da Fifa, marcado para fevereiro, no Catar. E a previsão é de pagamento de mais R$ 8 milhões em bônus da Crefisa se o Verdão se sagrar campeão.

Muito dinheiro em jogo: Finalista da Copa do Brasil e bem perto da decisão da Libertadores, o Palmeiras vai ter a chance de salvar o ano do ponto de vista financeiro se levar as duas taças. É que além dos R$ 18 milhões da Crefisa, existem ainda os prêmios prometidos pela CBF e pela Conmebol aos campeões.

Na Copa do Brasil, por exemplo, a vitória em cima do Grêmio garantirá R$ 54 milhões. Já o triunfo em cima de Santos ou Boca Juniors no dia 30 de janeiro, no Maracanã, pela Libertadores vai assegurar US$ 15 milhões ou R$ 81 milhões.

Somando todas as quantias, o Palmeiras pode fechar a temporada de 2020 (já em 2021) com R$ 153 milhões em caixa, recuperando a maior parte dos R$ 180 milhões perdidos em receitas com a pandemia do Coronavírus.