Maldivas é um sonho possível? Saiba tudo sobre o destino e fuja do 'perrengue chique'

Lucas Pasin
·6 minuto de leitura
Maldivas se tornou o destino preferido dos famosos. Podemos ir pra lá? (Foto: Reprodução/Instagram)
Maldivas se tornou o destino preferido dos famosos. Podemos ir pra lá? (Foto: Reprodução/Instagram)

Se você acompanha a vida de famosos como Juliana Paes, Adriane Galisteu, Ludmilla e Nego do Borel, certamente você já conhece um pouco – mesmo que de forma virtual – a famosa República das Maldivas, no continente asiático, um verdadeiro paraíso luxuoso, onde piscinas com bordas infinitas se misturam com um azul transparente do mar, e bangalôs parecem brotar garrafas de champanhe. Tudo muito cinematográfico e um sonho de consumo para quem viveu 2020, um ano de pandemia de covid-19, e de isolamento social, não é mesmo?

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Porém, será que as Maldivas é um ‘paraíso’ apenas para famosos, ou nós, ‘pessoas comuns’, também podemos viajar para lá? O Yahoo! conversou com um agente de viagens que oferece o destino em seus pacotes e também com um youtuber que esteve no local em 2018, inclusive encontrando Juliana Paes e criando até uma amizade com a famosa. Já pensou?

Aerial view of the city of Malé in the Maldives
Cidade de Malé, nas Maldivas (Foto: Getty Images)

Veja também

“As Ilhas Maldivas são um desenvolvimento relativamente recente do turismo. A capital é Malé e o aeroporto principal fica em uma ilha ao lado. Na capital existem alguns hotéis, a maioria destinados a negócios. Os hotéis de lazer estão nas outras ilhas, cada hotel em uma ilha. Atualmente são aproximadamente 200 hotéis em 200 ilhas. Por conta desta situação de exclusividade e da beleza da natureza podemos afirmar que é uma viagem de sonho, um paraíso”, destaca Eduardo Barbosa, diretor da Flot Viagens.

Além de oferecer o pacote, ele também já esteve por lá em 2018: “Posso afirmar que as Maldivas são hoje um dos melhores locais para férias de praia, pela beleza das ilhas, pela exclusividade e pela hospitalidade, entre outros pontos.”

Varios paisajes de Sri Lanka y Maldivas
Maldivas (Foto: Getty Images)

Mas e pandemia, não atrapalha a viagem?

Se em 2020 você passou quase todo o tempo dentro de casa, nas Maldivas você poderá circular livremente, com a promessa de que não terá riscos em relação a Covid-19. O país reabriu em julho após se resguardar da pandemia. Desde setembro, ele passou a obrigar turistas que apresentem teste negativo para coronavírus, feito no máximo em 72 horas.

“Não é necessário visto para visitar às Maldivas, mas neste momento, com a pandemia, é preciso sim fazer o teste PCR com 72 horas de antecedência”, ressalta o agente de viagens.

No entanto, com apenas 46 mortes desde o início da pandemia, Maldivas já foi declarada como um 'destino seguro' do covid-19, segundo o World Travel and Tourism Council (WTTC).

Adriane Galisteu é mais uma beldade que viajou para curtir férias nas Maldivas (Foto: Reprodução/Instagram @galisteuoficial)
Adriane Galisteu é mais uma beldade que viajou para curtir férias nas Maldivas (Foto: Reprodução/Instagram @galisteuoficial)

Não tenho R$ 80 mil para uma diária. Posso ir?

Nem só de hotéis luxuosos e superexclusivos vive às Maldivas. Assim como todo destino turístico, é possível sim aproveitar promoções em compras antecipadas e também hotéis mais em conta. Porém, a época do ano mais cara para estar lá é exatamente agora. De dezembro até fevereiro.

“Janeiro e fevereiro são um pouco mais caro em função do inverno do hemisfério norte, muitas viagens de europeus e norte-americanos”, conta o diretor da Flot Turismo. Ele explica: “São muitas as opções de hotéis. Em função da localização das ilhas, da capacidade de hospedagem em cada hotel/ilha e de que todos os insumos dependem de importação, os valores de hospedagem acabam não sendo tão baratos. Entretanto existe uma oferta que atende uma ampla faixa de interessados.”

Mas quanto? A empresa de Eduardo, por exemplo, está trabalhando um pacote chamado ‘Maldivas – Um sonho possível’ e oferece pacotes de 5 dias/4 noites a partir de 9x de R$547,00, com entrada de R$1.640. Isso para o mês de maio de 2021, com as passagens a parte.

As passagens aéreas custam em média US$ 1.200, porém, em compras antecipadas, é possível encontrar passagens por volta de US$ 600 a US$ 700. As principais companhias que fazem o trajeto são Emirates, Qatar, Turkish, Lufthansa e Alitalia.

Chance de esbarrar com famosos:

O Youtuber Glauber Britto, que também esteve nas Maldivas em 2018, para comemorar os quatro anos de casado, conta quanto gastou com a hospedagem e garante que é possível viajar sem gastar os ‘milhões’ que estamos acostumados a ver por aí.

“Maldivas é um destino possível sim. Dá para pagar em várias parcelas e se programar com antecedência. Quando fomos escolhemos ficar no Atoll Baa do resort Finolhus, que é uma rede de hotéis da Austrália. Na época pagamos, com bebidas, almoço e alguns jantares inclusos, um valor de USD$ 8.000 por 7 noites, pois escolhemos um resort 5 estrelas”, conta Glauber, que encontrou Juliana Paes por lá.

“Estava ela e o marido descansando e ficamos próximos durante o período da viagem. Foi bem divertido”, relembra ele, que completa: “Maldivas é um destino feito mais para casais ou quem vai com grupo grande de amigos. É difícil encontrar solteiros sozinhos por lá. Ou seja, não vai ficar rolando paquera e encontros.”

Glauber Britto e Juliana Paes nas Maldivas (Foto: Arquivo Pessoal)
Glauber Britto e Juliana Paes nas Maldivas (Foto: Arquivo Pessoal)

Nada de ‘perrengue chique’, né?

Perguntamos tanto para o agente de viagens quanto para o youtuber quais as dicas preciosas eles dariam para quem está louco para conhecer o local e quer fugir de qualquer possibilidade de ‘perrengue’.

“A principal dica é contratar a viagem com antecedência para ter bom custo. Outra dica importante tem a ver com o deslocamento entre o aeroporto internacional e o hotel. Escolher uma opção de hotel com traslado em lancha rápida a partir do aeroporto reduz os custos da viagem. A opção de deslocamento por hidroavião é um pouco mais custosa, porém garante uma experiência rica em imagens”, aponta Eduardo, diretor da Flot Viagens

A dica do agente, também bate com a do youtuber, que ressalta para ninguém passar ‘perrengue’: “Feche a viagem já com todos os transportes. Não deixe para fechar na hora se não você com certeza vai passar muito perrengue”.

Sobre os famosos bangalôs, o agente de viagem completa: “Para nós brasileiros ter a experiência de ficar hospedado em um bangalô sobre a água é muito importante. Podemos dizer que 90% das reservas são para este tipo de alojamento. Entretanto a opção de bangalô na praia é uma linda experiência. Também temos atualmente hotéis com pequenos edifícios que oferecem suítes lindas e confortáveis e preços excelentes.”

(Foto: Reprodução/Instagram @julianapaes)
(Foto: Reprodução/Instagram @julianapaes)

Celebridades amam e recomendam:

Não são só as celebridades brasileiras que amam as Ilhas Maldivas. O destino também é queridinho de nomes do cinema internacional, como Gwyneth Paltrow e Dakota Johnson, que já estiveram por lá recentemente.

O local totalmente 'instagramável' adora receber os famosos e também se utiliza deles para divulgar o turismo. Há, inclusive, influenciadores brasileiros, que recebem para estar no lugar mas badalado do mundo atualmente. Já pensou? É hora de arrumar as malas!

(Foto: Reprodução/Instagram @ludmilla)
(Foto: Reprodução/Instagram @ludmilla)