Pyong escapa, e Guilherme é eliminado do BBB 20 em paredão histórico

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O jogo acabou para Guilherme no Big Brother Brasil 20. Em uma disputa muito acirrada, o modelo foi eliminado da disputa com 56,07% dos votos contra Pyong, que teve 43,29% dos votos. Gizelly, que também estava na berlinda, foi bem menos votada e teve 0,64%.

A eliminação da noite desta terça-feira (3) teve 416 milhões de votos, recorde histórico do BBB, mais que o dobro da maior votação até então, que tinha sido em 2019, com 202 milhões de votos, quando Elana deixou o programa ao perder a disputa para Carol e Paula. 

"A sensação é de gratidão sempre. Isso tudo aqui é muito intenso. Eu tinha outra visão do Big Brother. É o jogo mais louco da minha vida. Estou muito feliz com a minha atuação aqui", disse ele, antes de deixar o programa. 

A formação do paredão desta semana foi diferente da tradicional. Indicado pela líder Ivy, Guilherme teve o direito de escolher quem ele iria enfrentar. O modelo colocou Pyong na berlinda, querendo, nas palavras dele, que o público julgasse o que o hipnólogo está fazendo no reality.

A participação de Guilherme no BBB 20 foi muito marcada pelo relacionamento de idas e vindas com Gabi Martins. Nos últimos dias, a hashtag #ForaGuilhermeAbusivo chegou a ficar entre os assuntos mais comentados no Twitter. Muitos dos que escreviam contra ele argumentavam que Gabi tem sido usada pelo brother e não tem conseguido ser feliz no reality pelas brigas com o modelo e pela forma como ele a trata.

O constante interesse dele por Bianca Andrade, a Boca Rosa, eliminada na terça passada, também marcou a passagem de Guilherme durante o BBB 20. Logo que entrou na casa, ele disse que a influenciadora era linda. Durante uma festa no início de fevereiro, Boca Rosa, visivelmente alcoolizada, chegou a pedir um beijo para Guilherme, que recusou. 

A situação, porém, deixou Gabi muito chateada. Além de atrair a atenção de Gabi e Bianca, Victor Hugo também se declarou apaixonado por Guilherme.