Solano, Porchat, Titi e mais se unem a cientistas contra notícias falsas da covid-19

·1 min de leitura
Cientistas ocupam redes sociais de famosos em prol da verdade científica (foto: reprodução / instagram @fabioporchat @titimuller / TV Globo / Divulgação)
Cientistas ocupam redes sociais de famosos em prol da verdade científica (foto: reprodução / instagram @fabioporchat @titimuller / TV Globo / Divulgação)

Resumo da Notícia:

  • Cientistas participaram da iniciativa da ONU chamada Projeto Verificado

  • Famosos cederam suas redes sociais para cientistas informarem a população sobrea covid-19

Artistas brasileiros como Mateus Solano, o jogador de futebol Richarlison, o humorista Fábio Porchat, o rapper Criolo, a apresentadora Titi Miller, a atriz Samantha Schmütz foram parte de uma ação da ONU para informar a população sobre verdades científicas sobre a covid-19.

Eles aceitaram ceder seus perfis nas redes sociais como Twitter e Instagram para serem ocupados pela Equipe Halo, que é um grupo de cientistas que faz parte do projeto Verificados, das Nações Unidas.

Eles ajudaram a compartilhar conteúdos sobre as variantes da COVID-19, reforçar a importância do ciclo completo de vacinação e da necessidade de manter as medidas de prevenção como o distanciamento social e o uso de máscaras sempre que possível.

“A equipe Halo tem um papel fundamental na pandemia: promover a confiança da população nas estratégias que nós temos para dar fim a este problema. Não adianta termos vacinas seguras e eficazes se não houver adesão e interesse da população, por exemplo. Por isso, unir-se a grandes nomes da cultura brasileira atuantes nas mídias sociais é um catalisador muito poderoso pra esse objetivo”, conta o cientista Rômulo Neris.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos