As profissões dos astros da música antes da fama

Jennifer Lopez trabalhou como dançarina (Vittorio Zunino Celotto/Getty Images)

Sabe aquele artista que você adora e é super famoso ou famosa? Pois é, nem sempre ele teve uma vida cheia de luxo e sucesso. Uns tiveram profissões bem comuns antes de se jogar no mundo da música, como Kurt Cobain, que foi zelador de prédio antes de revolucionar o rock nos anos 1990, e Ozzy Osbourne, que matou animais num abatedouro. Confira aqui com o que alguns astros da música trabalharam antes da fama.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Leia também

Ivete Sangalo foi modelo e vendedora de marmitas

(Divulgação)

Antes de se tornar uma das mais bem sucedidas cantoras do Brasil, Ivete teve vários trabalhos. A baiana fez de tudo um pouco: foi modelo, trabalhou como vendedora de loja em um shopping de Salvador e também vendeu as marmitas que sua mãe fazia, que por um tempo foi o que sustentou a família Sangalo.

Ozzy Osbourne matou vacas num abatedouro

Ozzy sempre foi exótico, isso é um fato. Antes de se tornar Príncipe das Trevas do Rock, Ozzy Osbourne foi ajudante de construção, assistente de encanador. Durante dois anos, o cantor foi um abatedor quando trabalhou em um matadouro de vacas.

Kurt Cobain precisou fazer manutenções em prédios

(Divulgação)

O vocalista do Nirvana, banda ícone do movimento Grunge da década de 90, bem antes de da fama teve que se virar para pagar suas contas. Ele trabalhou como zelador de prédio, o que nos Estados Unidos, é um pouco diferente e inclui a manutenção total do prédio, com reparos e limpeza.

Camelô e artesão foram as profissões de Marcelo D2

O rapper carioca Marcelo D2, antes de integrar sua ex-banda Planet Hemp, teve os mais diversos trabalhos: foi vendedor em uma loja de móveis, camelô e artesão de camisetas de rock.

Madonna garantiu uns trocados como dançarina e garçonete

(Divulgação)

A rainha do pop entrou para o mundo das artes pelo ballet, ganhando até uma bolsa de dança na Universidade de Michigan. Mas largou tudo viver em Nova York, onde teve que trabalhar como garçonete em um Dunkin’ Donuts. Depois, conseguiu trabalhos como dançarina de apoio de artistas já famosos.

Kendrick Lamar teve que se virar como segurança de banco

Um dos rappers mais famosos da atualidade, desde pequeno já gostava de criar rimas e cantar. Ele sabia o que queria fazer da vida, mas para pagar as contas por um período foi segurança de banco.

Aos 19, Dan Reynolds, do Imagine Dragons, foi missionário evangélico

(Divulgação)

O vocalista da banda de indie rock já teve uma ocupação bem diferentes dos palcos: foi um missionário evangélico. Ele é membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e quando ele tinha apenas 19 anos, se ofereceu como missionário e passou dois anos em Nebraska levando sua fé.

Steve Harris, do Iron Maiden, varreu ruas ante de ser arquiteto

O líder do Iron Maiden, Steve Harris, já tinha criado a banda, mas ao mesmo tempo ainda trabalhava como arquiteto (sua formação). Quando foi demitido, ele conseguiu um bico temporário como varredor de rua para se manter e também o grupo, que estava começando ainda.

Iza, do ‘The Voice’, foi editora de vídeos

(Divulgação)

A cantora Iza, que tem feito um enorme sucesso em todo o Brasil, inclusive se tornando uma das juradas do programa global The Voice, entrou para música há poucos anos. Apesar de sempre ter gostado de cantar, Iza é publicitária e por anos trabalhou em uma agência de publicidade como editora de vídeo.

A vida pegou leve com a dançarina Jennifer Lopez

JLo, como ela também é conhecida, além de uma cantora pop famosa mundialmente é também atriz. Mas antes da fama, ela trabalhou em outra área artística e foi dançarina na série humorística de TV ‘In Living Color’.