Procon-SP notificará empresa sobre cancelamento de shows de Justin Bieber

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Procon-SP irá notificar a empresa T4F para que sejam prestados esclarecimentos sobre o cancelamento dos shows de Justin Bieber em São Paulo.

Nesta terça (6), a produtora anunciou que as apresentações do cantor canadense marcadas para os dias 14 e 15 deste mês, no Allianz Parque, foram canceladas devido a "problemas pessoais" do artista.

No comunicado, a T4F não dá detalhes de como as pessoas que tinham comprado ingressos para os shows serão ressarcidas. Informou, apenas, que em breve dará essas informações.

"Nós vamos notificar a empresa ainda hoje pedindo esclarecimentos sobre qual será a política de cancelamento adotada para ressarcir esse consumidor", diz Guilherme Farid, diretor-executivo do Procon-SP.

Ele acrescenta que, em um segundo momento, o órgão irá analisar se os procedimentos adotados pela produtora estão adequados ao que diz o Código de Defesa do Consumidor.

Antes dos shows em São Paulo, Bieber subiria aos palcos em Ñuñoa, no Chile, nesta quarta-feira (7), e em Buenos Aires, nos dias 10 e 11. Os shows no Chile e Argentina também foram cancelados.

O cantor, que enfrentou uma depressão há três anos, está com a saúde mental instável novamente. Ele também se encontra em tratamento contra a síndrome de Ramsay-Hunt, que causa paralisia facial.

A especulação de que Bieber cancelaria as apresentações na América Latina provocou uma queda de 5,76% nas ações da produtora.

O cantor se apresentou no Rock in Rio no domingo (4). Bieber chegou ao Rio de Janeiro no fim de semana num jato luxuoso numa viagem que custou R$ 1,3 milhão. Apesar de o show no festival ter se concretizado, havia incertezas sobre a performance até os últimos segundos antes de ele subir ao palco.