Primeiro filme sobre resgate de garotos na Tailândia já está em finalização

Os garotos em imagens do resgate, após ficaram presos numa caverna por nove dias. (Imagem: Associated Press)

Menos de seis meses após o resgate dos doze garotos de um time de futebol que ficaram presos numa caverna por nove dias, na Tailândia, o primeiro filme a reconstituir a história já está gravado. O site The Hollywood Reporter informou que o diretor Tom Waller terminou as filmagens de seu longa-metragem ‘The Cave’ em dezembro, e agora trabalha na pós-produção, com planos de lançar o trabalho em junho, quando o acontecimento completará um ano.

Este é apenas o primeiro projeto sobre o caso. De acordo com o Ministério da Cultura da Tailândia, pelo menos seis produções com o mesmo mote estão em desenvolvimento.

A Universal Pictures, por exemplo, demonstrou interesse em investir num filme de grande orçamento para retratar o acontecimento. Outro que se entusiasmou em levar a história dos ‘Javalis Selvagens’ (nome do time de futebol do qual faziam parte os meninos) foi o diretor de origem asiática Jon M. Chu, em alta por conta de ‘Podres de Ricos’.

Tom Waller, que nasceu em Bangkok e tem no currículo longas como ‘Mindfulness and Murder’ e ‘The Last Executioner’, ambos disponíveis na Netflix, fez ‘The Cave’ com pouco orçamento e de forma independente.

“Senti que estava numa posição única para fazer este filme, porque sou tailandês, mas também tenho uma orientação ocidental em termos de minha origem”, contou o cineasta, ex-estudante de uma universidade britânica e filho de pai irlandês, ao The Hollywood Reporter. “E isto combina com a forma que este resgate sem precedentes foi feito: uma emergência tailandesa, em que todo o mundo tentou ajudar”.

O resgate envolveu, ao todo, mais de mil pessoas, em diversos setores. Weller diz que ouviu diversos depoimentos de quem participou, e pretende colocar em foco personagens ainda não conhecidos dessa dramática história.