Primeiro carro totalmente elétrico da Toyota já é realidade; conheça o bZ4X

·3 min de leitura

A Toyota anunciou neste mês de outubro que passaria a dar atenção especial aos veículos elétricos e que aproximadamente sete modelos bZ, abreviatura de Beyond Zero (Além do Zero, na tradução literal), seriam apresentados até 2025 pela montadora japonesa. Nesta sexta-feira (28), o primeiro deles foi conhecido oficialmente: bZ4X.

O veículo é um SUV de porte médio e do tipo BEV (sigla em inglês para Veículo Elétrico a Bateria). Construído na plataforma dedicada desenvolvida em conjunto com a Subaru, o bZ4X recebeu atenção especial no que diz respeito à segurança dos ocupantes.

“Além de perseguir um alto grau de segurança da célula da bateria, adotamos o mais recente pacote de segurança ativa Toyota Safety Sense. Usamos uma estrutura de carroceria adaptada para colisões de qualquer direção, e uma bateria que contribui para garantir o desempenho de proteção em uma colisão, com o objetivo de criar um BEV que proporcione segurança na direção”, informou a Toyota em comunicado oficial.

Bateria e autonomia

Imagem: Divulgação/Toyota
Imagem: Divulgação/Toyota

O primeiro carro totalmente elétrico da Toyota tem bateria de 71,4 kWh, capaz de dar autonomia de 500 quilômetros para as versões equipadas com tração dianteira e 460 quilômetros para os que optarem pelo modelo com tração nas quatro rodas. O primeiro deles terá um motor único, de 150 kW, enquanto o segundo sairá com dois de 80 kW, sendo um em cada eixo.

De acordo com a montadora japonesa, o bZ4X é compatível com carregadores de alta potência e, com 150 kW de carga rápida por corrente contínua, é capaz recuperar 80% da bateria em 30 minutos. Uma boa notícia para quem vive reclamando do tempo excessivo de carregamento dos carros elétricos.

Um dos recursos inovadores do Toyota bZ4X, no entanto, é o teto solar (opcional). Segundo a fabricante, ele capta energia solar e pode gerar eletricidade para rodar o equivalente a 1.800 quilômetros por ano. “Assim, ele pode carregar em estacionamentos onde não há estações de recarga, e a energia solar pode ser usada para carregar em desastres ou outras emergências”, explicou a marca.

Tecnologia e acessórios

Imagem: Divulgação/Toyota
Imagem: Divulgação/Toyota

Em termos de tecnologia e acessórios, o bZ4X também apresentou bastante conteúdo interessante. O SUV conta, por exemplo, com sistema de navegação em nuvem, que usa informações de mapas na nuvem para obter informações de tráfego e disponibilidade de vagas em tempo hábil. O sistema permite que, com um celular, os usuários possam bloquear, desbloquear e iniciar o sistema remotamente. As chaves digitais podem ser compartilhadas entre smartphones, tornando mais fácil para a família e amigos pegar e emprestar veículos remotamente.

Não há como não citar as duas opções de volante que a Toyota disponibilizará no bZ4X, a princípio, apenas para o mercado local. O primeiro é o tradicional, e o segundo é o chamado “Punho One-Motion”, que tem forma semelhante aos adotados na Fórmula 1. De acordo com a montadora, ele melhora a visibilidade do painel de controle e amplia o espaço para as pernas dos motoristas. Independentemente do modelo de volante escolhido, a Toyota assegura que o prazer ao dirigir o bZ4X estará garantido:

“A sensação de direção é melhorada através do controle independente do torque de direção que o motorista sente e do ângulo de direção dos pneus. Ele bloqueia vibrações desnecessárias dos pneus e transmite apenas as vibrações necessárias, como informações sobre a estrada. O sistema controla o movimento dos pneus para garantir a estabilidade do veículo ao dirigir em superfícies irregulares”.

O SUV bZ4X, primeiro carro totalmente elétrico da Toyota, está previsto para iniciar as vendas no Japão em meados de 2022. Até o momento, no entanto, não há informações sobre quais outros mercados terão a oportunidade de trabalhar com o BEV “diferentão” da marca, tampouco se ele dará as caras aqui no Brasil. O preço? Esse é mais um ponto que precisaremos aguardar pelas cenas dos próximos capítulos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: