Primeira trans do "BBB", Ariadna lembra traumas e diz que Linn da Quebrada será abraçada

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Ariadna e Linn da Quebrada representam trans no
Ariadna e Linn da Quebrada representam trans no "BBB" (Foto: Reprodução/Instagram)

Ariadna Arantes está ansiosa para a entrada de Linn da Quebrada no "BBB 22" nesta quinta-feira (20). A influenciadora digital, que foi a primeira trans a participar do reality show, acredita que Linn tem potencial para se destacar no jogo, representar a comunidade LGBTQIA+ e dar continuidade aos debates gerados por sua participação no programa da Globo em 2011.

"Quando soube da participação dela fiquei muito feliz. Já estava mais do que na hora da gente ter essa representatividade", exalta a ex-BBB, que apesar de ter sofrido muita transfobia no reality show, acredita que Linn terá uma trajetória mais feliz e promissora no confinamento.

Segundo Ariadna, o fato de muitas pessoas já conhecerem a história de Linn fará com que ela se sinta mais segura e menos pressionada no jogo. A ex-BBB lembra que foi julgada por não ter revelado que era trans assim que entrou no programa, algo que Linn não enfrentará.

"Acho que ela será mais abraçada pelo público porque todo mundo já sabe, ela não é uma Pipoca. Todo mundo conhece a história dela, diferente de mim que era anônima", justifica. "Sofri muito. O fato de eu ter sido eliminada foi exatamente isso, as pessoas até hoje me acusam de ter escondido que era uma mulher trans. E eu não escondi, não tinha que contar nada", completa a ex-BBB.

Na torcida pela atriz e cantora, Ari diz que conversava com Linn nas redes sociais, mas não soube da ida dela para o reality antes do anúncio na TV. Se tivesse tido tempo para dar um conselho, a influenciadora pediria para a amiga ser ela mesma.

"Fui eu mesma: brinquei, falei palavrão, fui julgada por falar palavrão enquanto todo mundo falava. A trans não podia ser vulgar, sabe? Por um tempo pensei que deveria ter sido mais estratégica, mas ainda que eu tivesse sido teriam me tirado. Então, ela tem que ser ela mesma. Mostrar a essência dela", opina.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos