Prestes a ter um orgasmo mulher sofre derrame; é comum isso?

Foto: Getty Images

Um caso de derrame sofrido durante uma relação de sexo oral foi estudo de caso do “British Medical Journal” e preocupou muita gente na última semana. Uma mulher de 44 anos, que não foi identificada, desmaiou enquanto recebia sexo oral e estava prestes a ter um orgasmo.

Receba novidades sobre o mundo dos famosos (e muito mais) no seu Whatsapp

Ao ser levada ao hospital, os médicos descobriram que ela tinha rompido um vaso sanguíneo na cabeça. Ela relatou ter sentido uma forte dor de cabeça antes de ficar inconsciente durante três minutos. O diagnóstico foi de hemorragia subaracnóidea (aneurisma) e ela passou duas semanas no hospital se recuperando.

Leia mais: Mulheres têm orgasmos mais intensos se o parceiro é engraçado e rico

“O que essa pessoa teve na verdade foi falta de sorte. É um caso raro em que a pessoa tinha um aneurisma que rompeu durante o sexo. Não é nenhuma raridade romper um aneurisma durante a atividade sexual, o ‘interessante’ do caso é que ela teve um desmaio, e isso é incomum. Normalmente a pessoa tem uma dor de cabeça, convulsiona, fica confusa e até pode desmaiar. Ela só desmaiou e quando acordou estava com dor de cabeça, então isso ‘torna o caso curioso”, afirma Fábio Porto, neurologista do Hospital das Clínicas.

Um aneurisma nada mais é que a dilatação de uma artéria e pode se manifestar através de qualquer esforço físico muito intenso, explica o especialista. “É como se se formasse uma bexiga na artéria. Em situações de aumento de pressão – pegar peso, fazer força para defecar ou durante o sexo, é possível que o aneurisma se rompa. Quando essa bexiga estoura, o sangue vai para as meninges e provoca a dor de cabeça”.

Mas segundo Porto, não é preciso se alarmar, pois ter uma vida sexual ativa e saudável é uma coisa boa para o cérebro. “Não é um risco, mas nos raros casos em que a pessoa tem um aneurisma, a atividade sexual – assim como atividade física ou ir no banheiro defecar – pode fazer romper esse aneurisma”.

Tem como identificar?

“É impossível evitar que isso aconteça porque não há sintoma nenhum. Só apresenta sinal quando rompe. Mesmo a maioria das pessoas que tem aneurisma, eles costumam ser pequenos e nunca vão romper”, afirma o médico.

Leia mais: Aprenda a identificar o orgasmo feminino

“Tem que tomar cuidado para não alarmar e assustar as pessoas para elas ficarem com medo de fazer sexo, isso é muito raro, tanto que virou um relato de caso, que são casos pouco comuns ou acadêmicos”, ressalta o médico.