Príncipe William anuncia finalistas do prêmio ambiental Earthshot

Príncipe britânico William durante visita a Scarborough, no Reino Unido

LONDRES (Reuters) - O príncipe William, do Reino Unido, revelou nesta sexta-feira os finalistas do prêmio Earthshot, que concede 1 milhão de libras (1,12 milhão de dólares) a cada um de cinco vencedores que desenvolvem soluções para os principais problemas ambientais.

Os 15 finalistas em cinco categorias variam de uma startup queniana que fabrica fogões de queima mais limpa a uma iniciativa de reciclagem em toda a cidade em Amsterdã. O prêmio recebeu mais de mil indicações.

"Eles estão direcionando seu tempo, energia e talento para soluções ousadas com o poder de não apenas resolver os maiores desafios ambientais do nosso planeta, mas também de criar comunidades mais saudáveis, prósperas e sustentáveis para as próximas gerações", disse William sobre os finalistas.

William, que se tornou herdeiro do trono britânico após a morte da rainha Elizabeth em setembro, criou o prêmio em 2020, nomeado em referência ao ambicioso projeto "moonshot" do ex-presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy e seu objetivo para o pouso na Lua de 1969.

Outros finalistas do prêmio incluem uma iniciativa de Omã para remover o dióxido de carbono transformando-o em rocha, uma empresa indiana que faz uma alternativa sustentável ao couro feita de flores usadas e uma equipe chinesa tentando transformar o deserto estéril em solo fértil.

A cerimônia de premiação acontecerá em Boston no dia 2 de dezembro.

(Reportagem de Sachin Ravikumar)