Príncipe Harry diz que William o derrubou no chão durante discussão sobre Meghan

Príncipes William e Harry durante funeral da rainha Elizabeth, em Londres

Por Michael Holden e Charlie Devereux

LONDRES/MADRI (Reuters) - O príncipe britânico Harry disse que seu irmão mais velho e herdeiro do trono, o príncipe William, derrubou-o no chão durante uma discussão em 2019 sobre a esposa norte-americana de Harry, Meghan, em relato que consta de seu esperado livro de memórias, já à venda na Espanha.

A altercação entre os irmãos, filhos do rei Charles, está detalhada no livro de Harry "Spare", que deve ser publicado em 10 de janeiro, mas a Reuters e outros veículos conseguiram obter cópias da obra na Espanha.

Detalhes do conteúdo do livro aparecem enquanto a ITV divulgou um clipe de uma entrevista com Harry antes da publicação do livro, na qual ele disse que não poderia se comprometer a comparecer à coroação de seu pai em maio.

No livro, Harry diz que a briga entre os irmãos em 2019 ocorreu na casa de Harry em Londres e surgiu depois que William chamou Meghan de "difícil", "rude" e "abrasiva", o que Harry disse soar como "a narrativa da imprensa" sobre sua esposa.

"Ele me agarrou pelo colarinho, rasgou minha gola e me jogou no chão", escreveu Harry, de acordo com o jornal.

"Caí na tigela do cachorro, que rachou sob minhas costas, os pedaços me cortando. Fiquei ali por um momento, atordoado, depois me levantei e disse a ele para sair."

William então desafiou seu irmão mais novo a revidar, mas Harry recusou. William mais tarde voltou à cena, "parecendo arrependido e se desculpou", escreveu Harry, segundo o trecho, com seu irmão pedindo-lhe para não contar a Meghan que o havia "atacado".

Porta-vozes do rei Charles e do príncipe William se recusaram a comentar.

O próprio Charles ainda espera uma reconciliação com seu filho, disseram fontes não identificadas aos jornais esta semana.

Em seus extratos vazados, o Guardian diz que o rei ficou entre seus dois filhos durante uma difícil reunião no Castelo de Windsor após o funeral de abril de 2021 de seu avô, o príncipe Philip, marido da falecida rainha.

"Por favor, rapazes," Harry citou seu pai dizendo. "Não façam dos meus últimos anos uma miséria."