Príncipe Charles fala sobre 'corrida contra o tempo' para conter mudanças climáticas

·1 min de leitura
Príncipe Charles - Documentário COP 26 credit:Bang Showbiz
Príncipe Charles - Documentário COP 26 credit:Bang Showbiz

O príncipe Charles acredita que a iniciativa privada "tem a faca e o queijo na mão" no combate à crise climática.

Em um artigo publicado no jornal ‘Sunday Telegraph’, o nobre, de 72 anos, lamentou a "sorte" das futuras gerações, que terão que lidar com as consequências da crise ambiental.

O príncipe também pediu aos governos que se envolvessem mais ativamente com o setor privado e incorporassem iniciativas inovadoras para combater o problema.

Ainda no artigo, Charles compartilhou que aprendeu lições valiosas com especialistas que dedicam suas vidas à luta pelo meio ambiente, e revelou que é impossível não ouvir as vozes desesperadas dos jovens que se preocupam com o mundo que herdarão da atual geração.

O futuro rei declarou recentemente, durante um encontro com o primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, que a COP 26 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas), pode ser a última oportunidade de agir.

“Literalmente, é a nossa última chance. Agora, nós temos que transformar palavras bonitas em ações concretas. E como a imensidão da crise climática domina as conversas das redações de jornais às salas de estar, e o futuro da humanidade – e da natureza – estão em jogo, é com certeza a hora de deixar de lado as nossas diferenças”, opinou o membro da realeza.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos