Príncipe Charles cancela visita a porta-aviões após queda de caça britânico

·1 min de leitura
Príncipe britânico Charles no Cairo

CAIRO (Reuters) - O príncipe britânico Charles cancelou uma visita programada ao porta-aviões HMS Queen Elizabeth depois que um jato F35B do que operava na embarcação caiu no Mar Mediterrâneo.

O caça F35 que opera no maior porta-aviões do Reino Unido caiu no Mar Mediterrâneo na quarta-feira, mas o piloto conseguiu se ejetar e retornar em segurança ao navio.

Charles, que está no Egito, deveria visitar o navio, que está próximo de Alexandria, mas a visita foi cancelada por razões operacionais, disse um porta-voz.

O Lockheed Martin F35B é capaz de conduzir guerras eletrônicas ar-solo, coletar informações e operar missões aéreas simultaneamente, de acordo com a Força Aérea Britânica. Ele pode operar sem ser detectado em espaço aéreo hostil devido à tecnologia secreta.

(Por Peter Nicholls)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos