Novo estudo revela os sinais de que um casal está prestes a se casar

Seu amado coloca suas necessidades em primeiro lugar? Se for assim, seu relacionamento poderia estar levando você ao altar em breve, revela um novo estudo.

O estudo liderado por Brian Ogolsky, da Universidade de Illinois, EUA, encontrou quatro “padrões” distintos na forma como os casais interagiam ao longo de um período de nove meses.

Ogolsky acompanhou o progresso de 376 casais jovens (todos com menos de trinta anos) em relação ao seu grau de “compromisso com o casamento”.

“Os casais com mais probabilidades de se casar eram aqueles que estavam “focados no parceiro” — cada parceiro pensava sempre nas necessidades do outro”, disse Ogolsky.

“Estes parceiros estão muito envolvidos um com o outro e se apoiam mutuamente; eles usam o que está acontecendo em seu relacionamento para levar seu compromisso a níveis mais profundos", disse Ogolsky.

“As pessoas que formavam esses casais tinham níveis de consciência muito mais elevados, o que nos leva a pensar que elas são mais cuidadosas e costumam refletir muito mais sobre como tratar aqueles com quem escolhem se relacionar.” romance.

Todos os casais representaram graficamente seu compromisso com o casamento, observando os eventos importantes — os casais “focados no parceiro” demonstraram ter mais probabilidades de permanecer juntos ao longo do tempo.

Ogolsky diz que há quatro “tipos” de casais: os “casais dramáticos”, (34%), cuja relação tem altos e baixos; os “casais conflituosos” (12%), que costumam discutir bastante; os casais “focados no parceiro” (30%), que costumam passar muito tempo juntos e se concentram nas necessidades um do outro, e os casais ativos socialmente (19%), que costumam passar bastante tempo com a família e amigos.

Ogolsky descobriu, para sua surpresa, que os “casais conflituosos” NÃO são os mais propensos à separação - os casais com tendência maior a separar-se eram os “casais dramáticos”.

Blog Yahoo de Rob Waugh