Por que os streamings estão dominando o Oscar e premiações

Já não é de hoje que os serviços de streaming vem dominando as premiações do cinema. Se no ano passado, a culpa era a pandemia e os cinemas fechados, em 2021 e 2022 a leve retomada indica que os filmes mais "cinema de verdade" devem ficar cada vez mais digitais.

Nos fortes nomes para o Oscar, por exemplo, temos 'O Ataque dos Cães', 'A Filha Perdida' e 'Não Olhe Para Cima', todos pela Netflix. A Prime Video vem com o novo de Aaron Sorkin, 'Being the Ricardos', enquanto a Warner lançou 'King Richard' diretamente na HBO Max no país.

Para os românticos, um problema. Já outros preferem enxergar a democratização do acesso a esses títulos. Mas afinal, quem leva essa? Descubra o que achamos neste episódio de Pod Assistir.

O que indicamos no episódio

A Filha Perdida (2022, Netflix)

No longa inspirado no livro de ninguém mais, ninguém menos do que Elena Ferrante conhecemos Leda (Olivia Colman), uma mulher de meia-idade que viaja para a Itália em seu período de férias. Procurando passar uma temporada tranquila e de autoconhecimento ela não espera encontrar uma família americana do Queens que abala suas estruturas e a lembra de seu próprio passado.

Ataque dos Cães (2021, Netflix)

Inspirado num livro homônimo, o longa traz a história de Phil (Benedict Cumberbatch) e George Burbank (Jesse Plemons), dois irmãos vaqueiros em Montana. Quando George resolve casar com a viúva Rose (Kirsten Dunst), Phil começa a implicar com o filho Peter (Kodi Smit-McPhee) por achar o jovem "mulherzinha demais".

O longa é dirigido por Jane Campion e levou Globo de Ouro de Melhor Filme.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos