Por que nos arrepiamos?

Quem nunca se arrepiou quando sentiu frio? Ou medo? Ou quando ganhou um beijo no pescoço? O termo técnico para o eriçamento dos pelos e aquelas bolinhas que ficam na pele é horripilação.

Os calafrios ocorrem principalmente como uma resposta ao frio. Nossos pelos ficam de pé para criar uma camada isolante ao redor corpo. Isso é uma herança de milhares de anos, quando éramos bem mais peludos. Nossos antepassados também erguiam os pelos com a intenção de parecerem maiores quando ameaçados.

Ao assistir um filme de terror, um alarme falso de perigo é liberado e por isso nos arrepiamos. Quando recebemos tais estímulos, o organismo libera adrenalina e dopamina. Esses hormônios estimulam os piloeretores, músculos involuntários que ficam bem debaixo da pele. Os músculos então se contraem e causam a ereção dos pelos.

Esses hormônios são liberados em qualquer momento de prazer, fortes emoções, excitação, ou irritação. Por isso também arrepiamos ao ouvir música, comer algo delicioso, ou receber estímulos em uma parte do corpo.

Veja mais

Os maiores prédios do mundo

Os idiomas mais falados do mundo

Conheça a cidade com o nome mais longo do mundo