Por que Giulia Be virou a ‘pivô da vez’ se Luan Santana já gravou com tantas mulheres?

Lucas Pasin
·3 minuto de leitura

Todo relacionamento que chega ao fim precisa necessariamente ter um ‘pivô’? Em busca de tentar entender o motivo da separação de casais famosos, fãs e a mídia buscam sempre um ‘responsável’, normalmente uma mulher que se aproximou recentemente do ‘novo solteiro’. Foi neste caminho que o nome de Giulia Be ganhou os holofotes nesta segunda-feira (19), apontada como a “responsável” pelo fim da relação de 12 anos de Luan Santana e Jade Magalhães.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

Luan e Giulia gravaram recentemente a música “Inesquecível”, fizeram uma live juntos – com a Jade também presente – e se reuniram para o clipe da nova aposta de hit. A proximidade profissional deles fez com que a cantora se tornasse então uma ‘aposta de pivô’.

Veja também

Não foi só isso. Os fãs notaram que Jade não segue Giulia nas redes sociais, enquanto a cantora segue a ex de Luan. Também perceberam que as duas mulheres chegaram a trocar comentários nas redes e que recentemente não se falaram mais. Toda uma briga foi rapidamente criada sem que Jade, Luan ou Giulia comentassem algo sobre o assunto.

De acordo com o colunista Leo Dias, Jade não teria gostado de atitudes de Giulia durante a gravação do clipe com Luan. A cantora estaria “jogando charme” para o parceiro. Depois disso, ainda de acordo Leo Dias, brigas começaram por ciúme e a relação foi se desgastando.

Luan Santana ao lado da ex-noiva, Jade Magalhães, e Giulia Be
Luan Santana ao lado da ex-noiva, Jade Magalhães, e Giulia Be

Se ciúme era realmente um problema na relação de Luan e Jade, nós não sabemos. Mas uma coisa é fato: Luan sempre teve parceiras mulheres na música e, cantando com elas nos últimos anos, Jade sempre foi uma namorada presente, sem nunca ter demonstrado ‘surtos públicos de ciúme’.

Entre as mulheres que gravaram com Luan, destacamos Luisa Sonza, Sandy, Ivete Sangalo, Camila Queiroz, Paula Fernandes e Anitta. Vale lembrar que entre o sertanejo e a ‘poderosa’ o affair foi confirmado por Luan, ou seja, realmente rolou algo.

Será que Jade ficou com ciúme de todos os duetos de Luan com outra mulher? Há como suportar um relacionamento de 12 anos em que você não confia no seu parceiro? É possível viver uma história de amor de 12 anos onde você ‘morre de ciúme’? E mais uma pergunta, título desse texto: Por que Giulia Be seria a pivô da vez se Luan já gravou com tantas mulheres? Só porque ela foi a última?

Essas e outras perguntas vão ficar sem respostas até que algum dos envolvidos se pronuncie sobre. O que Luan e Jade viveram e o motivo de terem terminado, só eles sabem. Da nossa parte vale pensar se não estamos agindo de forma maldosa ao levantarmos teorias por aí. E se não estamos repetindo erros e padrões ao colocarmos mais uma vez mulheres em conflito por um homem.

E vamos falar sobre ciúme: quem é que não sente e está com a terapia tão em dia para não sofrer com isso em algum momento da vida? Todos nós tivemos ciúme em algo momento e aprenderemos (ou não) a viver com esse sentimento. Faz parte da evolução. O que não dá é para sempre colocarmos uma mulher na caixa do ‘louca de ciúmes’. Ciclos se encerram e precisamos lidar melhor com isso.

O Yahoo procurou Giulia Be para falar sobre o nome dela ter tomado os assuntos mais comentados nas redes sociais após a separação de Luan e Jade. A assessoria da moça disse que não há o que comentar sobre isso, e que ela falaria apenas sobre a vida profissional.