Por que fãs estão pedindo na internet a "liberdade de Britney Spears"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·4 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
LAS VEGAS, NV - OCTOBER 18:  Singer Britney Spears attends the announcement of her new residency, "Britney: Domination" at Park MGM on October 18, 2018 in Las Vegas, Nevada. Spears will perform 32 shows at Park Theater at Park MGM starting in February 2019.  (Photo by Gabe Ginsberg/FilmMagic)
Britney Spears (Photo by Gabe Ginsberg/FilmMagic)

Uma das artistas mais bem-sucedidas do pop, com mais de 100 milhões de discos vendidos, não tem controle sobre a sua própria vida. Desde 2008, o pai de Britney Spears, Jamie Spears, é o responsável legal pela vida da filha, tomando decisões por ela seja no âmbito pessoal quanto na carreira. Um julgamento sobre a tutela da artista tem acontecido nos últimos dias no Tribunal do Condado de Los Angeles, nos Estados Unidos, para decidir se o status dele será mantido.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Em audiência online do julgamento marcada para essa quarta-feira (22), a cantora era esperada para dar o seu depoimento - porém, segundo o site The Blast, ela não apareceu. Fãs da cantora estiveram presentes no Tribunal, com cartazes estampados #FreeBritney, uma campanha que já toma conta das redes sociais há alguns anos.

Leia também

O que é a tutela?

LOS ANGELES, CALIFORNIA - JULY 22: Supporters of Britney Spears gather outside a courthouse in downtown for a #FreeBritney protest as a hearing regarding Spears' conservatorship is in session on July 22, 2020 in Los Angeles, California. Spears was placed in a conservatorship managed by her father, James Spears, and an attorney following her involuntary hospitalization for mental care in 2008. (Photo by Frazer Harrison/Getty Images)
Fãs de Britney Spears foram ao Tribunal do Condado de Los Angeles, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (22) (Photo by Frazer Harrison/Getty Images)



Para entender a situação judicial de Britney Spears, é preciso lembrar os acontecimentos de 2007. Logo após se separar de Kevin Federline, com quem teve dois filhos (Sean Preston, 15 anos, e Jayden James, 14), a cantora viveu momentos conturbados e amplamente divulgados pela mídia, como a raspagem do cabelo e o episódio em que quebrou o vidro de carro de um paparazzi.

Envolta a polêmicas e sendo perseguida pelos tabloides estadunidenses, a cantora acabou internada em uma clínica de reabilitação por causa do uso de drogas e problemas psiquiátricos. Com isso, Jamie Spears, ganhou na Justiça o direito de ser o seu tutor naquele ano. Em artigo, a revista Forbes definiu o que seria uma "tutela" em termos jurídicos.

“É uma medida extrema para ser utilizada somente em adultos que não têm a possibilidade de tomar decisões por si mesmos. Geralmente, se aplica a idosos com Alzheimer e outros tipos de demência, e pessoas adultas com outros problemas a longo prazo como danos cerebrais. Antes de Britney, não se sabia do uso a longo prazo de uma curatela para uma celebridade”, disse à revista.

Quando se fala de valores, a questão da tutela se torna ainda mais estranha. Segundo o El País, Jamie Spears recebe um salário de 180.000 dólares (R$ 947 mil) anuais pelo trabalho de tutor. Enquanto isso, a cantora tem direito a apenas 1.500 dólares (R$ 7.900) da sua fortuna, avaliada em US$ 200 milhões, por semana.

Britney precisa de ajuda?

HOLLYWOOD, CALIFORNIA - JULY 22: Britney Spears and Sam Asghari attend the Los Angeles premiere of "Once Upon A Time In Hollywood" at TCL Chinese Theatre on July 22, 2019 in Hollywood, California. (Photo by David Crotty/Patrick McMullan via Getty Images)
Britney Spears e o namorado Sam Asghari em 2019 (Photo by David Crotty/Patrick McMullan via Getty Images)

O diagnóstico médico de Britney Spears jamais foi revelado. Até por isso, fãs defendem que ela recupere o controle da sua própria vida. Nos últimos anos, aliás, tudo parecia correr bem na vida dela: a cantora havia voltado a cuidar dos seus filhos e a obter sucesso em sua carreira, lucrando milhões com turnês e discos.Tudo, contudo, voltou a desmoronar em 2019.

Em janeiro do ano passado, Britney anunciou que faria uma pausa em sua carreira para cuidar do pai, internado em estado grave por causa de um problema no intestino. Dois meses depois, Britney Spears se internou voluntariamente em uma clínica de reabilitação, alegando problemas de estresse e desgaste emocional. .

Na época, o podcast Britney’s Gram divulgou o áudio de uma pessoa que teria trabalhado na curatela da cantora. Ela dizia, entre outras revelações, que a versão oficial da sua internação era uma grande mentira. Jamie Spears teria acabado com a turnê de Britney porque ela havia deixado de tomar os medicamentos; além disso, a artista teria sido internada contra sua vontade - e por 90 dias, não por um mês, como fora divulgado.

Para piorar, no ano passado, uma reportagem do The Blast revelou que Jamie é foi acusado de agredir o filho mais velho de Britney, Sean. Como Britney Spears é obrigada a cuidar dos adolescentes sempre na presença do pai, o incidente levou um juiz a reduzir a custódia dela. Agora, os garotos passam apenas 30% do mês com a mãe.

Por tudo isso, os fãs da cantora iniciaram uma campanha no site Change para que a tutela de Britney seja investigada por abuso. Mais de 97 mil pessoas já assinaram em prol da causa. Porém, a liberdade da cantora ainda tem outros obstáculos. De acordo com o programa de TV Entertainment Tonight, a mãe de Britney Spears, Lynne Spears, também entrou na Justiça para pedir o controle da vida da filha na Justiça.

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos