Por que Emma Watson e Seth Rogen brigaram nas gravações de "É o Fim"

Rafael Monteiro
·1 minuto de leitura
WESTWOOD, CA - JUNE 03:  Actress Emma Watson and writer/director/actor Seth Rogen attend Columbia Pictures'
Emma Watson e Seth Rogen em evento de divulgação de "This Is The End", em 2013 (Photo by Alberto E. Rodriguez/Getty Images)

Oito anos depois, Seth Rogen veio a público confirmar um boato que circulava em Hollywood: ele realmente se desentendeu com Emma Watson durante as gravações da comédia "É o Fim" (2013), filme que arrecadou US$ 126 milhões em todo o mundo.

Em entrevista à GQ, o comediante explicou que o desentendimento aconteceu quando Emma se recusou a gravar uma cena na qual Danny McBride interpretaria um canibal sexual e Channing Tatum, de cueca de couro e coleira, seria seu escravo.

Leia também:

"Sem ressentimentos", analisou Rogen. "Eu não poderia ter ficado mais feliz com a forma como o filme rendeu. Além disso, ela provavelmente estava certa. Provavelmente foi mais engraçado como acabamos fazendo (na edição final, sem a cena descrita)"

O ator ainda agradeceu por Watson, mesmo após a desavença, ter ajudado na bem-sucedida divulgação do filme, barato para os padrões de Hollywood (US$ 32 milhões). "Ela voltou no dia seguinte para dizer adeus (para a equipe do filme)", contou. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

"Ela ajudou a promover o filme. Eu não olho para trás e penso: 'Como ela se atreveu a fazer isso?', sabe? Acho que às vezes, quando você lê algo e isso ganha vida, não parece ser o que você pensava. Não foi um final terrível para nossa relação", completou Rogen.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.