Por que "Loki" explorou a bissexualidade do Deus da Trapaça

·1 minuto de leitura

Resumo da notícia:

  • Diretora de "Loki" explicou em entrevista a decisão de explorar a bissexualidade do Deus da Trapaça na série

  • Segundo Kate Herron, a ideia era normalizar a orientação sexual do personagem

  • A atração do Disney Plus ainda mostrou que o anti-herói vivido por Tom Hiddleston tem gênero fluido

Kate Herron, diretora de "Loki", explicou em entrevista ao ComicBook a decisão de explorar a bissexualidade do Deus da Trapaça na série do Disney Plus. A ideia dela era normalizar a orientação sexual do personagem de Tom Hiddleston no Universo Cinematográfico Marvel.

"O trem parecia apropriado, porque, sabe, é estranho dizer, mas é quase como um primeiro encontro, certo? Esses dois personagens estão meio que desnudando suas almas, se conhecendo e sendo o mais honestos possível sobre eles mesmos", disse ela.

Leia também:

A diretora faz referência à cena vista no terceiro episódio da primeira temporada, quando Loki conversa com a sua variante feminina, Sylvie (Sophia Di Martino), e ela diz que ele deve ter "um príncipe" ou uma "princesa" como pretendente. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

"Um pouco dos dois. Suspeito que igual a você", responde o Deus da Trapaça. A série ainda revelou que o personagem de Tom Hiddleston tem gênero fluido, ou seja, pode se sentir como homem, mulher ou nenhum dos dois gêneros em diferentes momentos.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos