Polícia dos EUA aponta hacker iraniano como responsável por invasão aos servidores da HBO

(Imagem: divulgação HBO)

As autoridades policiais do distrito de Nova York anunciaram nesta terça-feira que vão acusar formalmente um hacker iraniano chamado Behzad Mesri, apontado como responsável pela invasão aos servidores da HBO em julho.

Na época, o criminoso virtual exigiu um valor em bitcoins não divulgado, ameaçando vazar episódios então ainda inéditos de ‘Game of Thrones’, além de contratos, dados pessoais do elenco, roteiros e outros materiais. Ao todo, Mesri teria “sequestrado” 1.5 terabytes de dados.

Durante o período, a HBO chegou a oferecer um pagamento de US$ 250 mil ao hacker. A negociação era, na verdade, uma forma do canal ganhar tempo, enquanto a polícia investigava o caso.

Em agosto, em um caso semelhante mas sem conexão direta, a polícia indiana prendeu quatro funcionários de uma operadora de TV por assinatura que vazaram o quarto episódio da sétima temporada antes de sua exibição oficial.

Para a oitava e última temporada, ainda sem data de estreia definida, a HBO estuda gravar diversas conclusões do capítulo final, como forma de evitar vazamentos.