Pode alisar cabelo com a colher? Especialista faz alerta após truque de Mari em 'A Fazenda'

·2 min de leitura
Marina improvisou para alisar o cabelo (Foto: Reprodução/RecordTV)
Marina improvisou para alisar o cabelo (Foto: Reprodução/RecordTV)

Marina Ferrari alisou o cabelo com uma colher quente e chamou a atenção do público de "A Fazenda 13". Até a apresentadora Adriane Galisteu, que trabalhou como modelo e tem vários segredos de beleza, ficou surpresa com o improviso da influenciadora nesta terça-feira (26). Sem chapinha e secador na sede, Mari usou a artimanha para deixar o cabelo "mais retinho".

Nas redes sociais, a aposta da blogueira dividiu opiniões. Algumas pessoas curtiram o resultado e já disseram que pretendem testar em casa. Outras falaram sobre falta de higiene e questionaram se a prática não pode causar danos para a saúde capilar. O Yahoo, então, foi em busca de respostas e conversou com a tricologista Fernanda Cortez sobre o tão comentado truque de Mari Ferrari.

Leia também:

Mesmo sabendo que a prática não fará parte da rotina da peoa, a médica não é favor do alisamento com colher. "O principal problema nessa atitude de esquentar um metal que não esteja em um equipamento próprio para os cabelos, é que não temos como controlar a temperatura, podendo deixar quente demais e causando até a queda dos cabelos", justifica.

Segundo a especialista, além da agressão causada pelo calor excessivo sem nenhuma proteção, a falta de garantia de resultado pode ser outro problema. Não foi o caso de Mari, mas o cabelo dela poderia ter ficado pior que antes. "Como a colher não é o tipo de alumínio adequado, o contato dela com os fios pode propiciar o frizz, deixando o cabelo mais arrepiado, já que ocorre uma troca de cargas elétricas entre o alumínio e os fios", alerta.

Na falta de chapinha, o que fazer?

Fernanda Cortez acredita que "voltar no tempo" é a melhor alternativa para quem não tem chapinha ou secador em casa ou no reality, como é o caso de Mari Ferrari. Toucas com grampos, muito usadas no passado, não agridem os fios e costumam dar bons resultados. É só não esquecer de colocar a parte ondulada do grampo para baixo para não ficar marcado.

"Basta enrolar o cabelo seco em torno da própria cabeça e prender tudo com grampos com espaços curtos entre eles, você só tem que dividir o cabelo ao meio e pentear no sentido horário, como se fosse uma faixa. Quanto mais tempo você ficar assim e quanto mais estiver esticado, mais lisos ficam os fios", diz a tricologista.

Na falta de touca e grampo, o velho truque da meia calça também é uma boa pedida. "Basta enrolar os cabelos em uma meia calça improvisada como touca e dormir com ela, os poros do tecido deixam os fios respirarem, ao mesmo tempo que mantem o cabelo alinhado ao longo da noite", sugere Fernanda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos