Você sabe como cuidar do curativo do seu gato pós-castração?

Colaboradores Yahoo Vida e Estilo
·2 minuto de leitura
Postoperative bandage on a cat. Care of a pet after a cavitary operation (castration, sterilization)
Proteja o curativo pós-castração do seu gato usando roupa pós-cirúrgica

A castração é um procedimento super importante para quem tem animais de estimação, não somente para evitar a procriação e outros cuidados que se deve ter com animais na época de cio, mas também para prolongar a vida e aumentar a qualidade do tempo de vida dos gatinhos, que sem serem castrados, podem desenvolver doenças como câncer.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

O ideal é programar a castração do gatinho próximo a puberdade. Nas gatas, o procedimento pode ser feito com segurança a partir dos três meses. Porém, normalmente as castrações ocorrem perto do primeiro cio, a partir do seis meses de idade.

Leia também

O processo de castração é simples e rápido, tanto em machos como fêmeas, porém, são necessários alguns cuidados no pós-operatório. Listamos algumas dicas para você fazer e proteger o curativo pós-castração no seu gato.

Como fazer e cuidar do curativo em gato castrado:

Female Cat Neutered
Os primeiros dias após castração são importantes para uma boa cicatrização e rápida recuperação
  1. Limpe a incisão com soro fisiológico, pelo menos três vezes ao dia;

  2. Não cubra os pontos com gaze, para que a incisão cicatrize mais facilmente;

  3. Produtos antissépticos, como clorexidine, rifocina, entre outros, podem ser utilizados, de acordo com a recomendação do veterinário do seu pet;

  4. Um dos pontos mais importantes é proteger o curativo, evitando que o bichano morda ou lamba a região do corte. A roupa, no caso das fêmeas, protege não só das lambidas, mas de possíveis agentes contaminadores. Por isso, utilize um colar elizabetano ou roupa cirúrgica no bichinho, por pelo menos uma semana;

  5. É muito importante que o gato não corra, pule, suba escadas ou móveis nos primeiros dias, já que movimentação em excesso por causar dor ou abrir pontos;

  6. Siga as orientações do seu veterinário sobre as medicações necessárias nos dias seguintes ao procedimento - elas são muito importantes, mas você deve sempre seguir as orientações do profissional;

  7. Evite pegar o gato no colo nos primeiros dias, a menos que seja necessário. Movimentar muito o animal pode fazer com que os pontos rompam e a incisão abra.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube