Peres ameaça Atlético, mas santistas estão na lista do Sampaoli. É o terceiro embate do ano

Victor Martins
·3 minuto de leitura
Everson chegou ao Santos a pedido de Sampaoli, agora técnico do Atlético (Fernanda Luz/AGIF)
Everson chegou ao Santos a pedido de Sampaoli, agora técnico do Atlético (Fernanda Luz/AGIF)

O Santos viu dois de seus titulares na campanha do vice-campeonato brasileiro do ano passado entrarem na Justiça e pedirem rescisão de contrato por falta de pagamentos. O goleiro Everson e o atacante Sasha acionaram o clube paulista e nem sequer foram treinar mais. No entendimento da direção santista, o Atlético-MG pode estar envolvido nos dois casos. O clube mineiro, por sua vez, nega participação e qualquer contato com os atletas. Porém, caso os jogadores consigam ficar livres, ambos vão ser procurados pela diretoria atleticana.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

E qual seria a ligação do Galo com os jogadores da equipe paulista? Jorge Sampaoli é a resposta. O treinador, agora no clube mineiro, foi quem conduziu o Peixe ao vice-campeonato nacional do ano passado. Na chegada à Cidade do Galo, em março, o técnico passou uma lista de possíveis reforços à diretoria atleticana. Entre os nomes indicados estavam seis de jogadores do Santos. Além de Everson e Sasha, o zagueiro Lucas Veríssimo, o meia Carlos Sánchez e os atacantes Soteldo e Marinho faziam parte dos pretendidos por Sampaoli, como revelou o jornalista Thiago Fernandes, do Uol.

A situação de Everson é a que mais chama a atenção, pois não é segredo para ninguém que o Atlético procura um goleiro com maior capacidade de jogar com os pés, para satisfazer o desejo de Sampaoli. Tanto que o Galo já havia feito uma consulta para saber sobre a possibilidade de o Santos negociar Everson, como revelou Jorge Nicola.

Motivo pelo qual o presidente do Peixe, José Carlos Peres fez uma dura ameaça. “Se ele for para o Atlético, vamos à comissão de ética da CBF”, disse em entrevista a Paulo Vinícius Coelho, do Globoesporte.com. E como a diretoria atleticana não tem medido esforços para entregar a Sampaoli um elenco capaz de brigar pelo título brasileiro, certamente Everson e Sasha serão procurados caso fiquem livres no mercado.

Essa não é a primeira vez que o Santos reclama do Atlético nesta temporada. No começo do ano a equipe mineira tentou a contratação do atacante Soteldo. O Galo foi no Hauchipato, do Chile, e fez uma oferta para comprar metade dos direitos do jogador, o que obrigaria o Peixe a cobrir a proposta ou então aceitar a oferta atleticana. Porém, por desejo do atleta, o Santos conseguiu segurar uma de suas estrelas, mas para isso teve de dar um belo aumento salário para Soteldo.

Assim como agora, o presidente José Carlos Peres também ameaçou levar o caso até a CBF, já que o Atlético ofereceu cerca de R$ 51 milhões pelo jogador, motivo pelo qual o Santos foi bastante pressionado pelo Huachipato. O clube chileno ficaria com metade do valor e forçou para que o negócio fosse concretizado, mas o Peixe não aceitou fazer negócio.

E não parou nisso. Em abril, já com Jorge Sampaoli no comando do Atlético, uma nova queixa. Peres disse que o treinador ligou para o volante Diego Pituca e para os atacantes Sasha e Marinho, para saber sobre a possibilidade de trocarem a Vila Belmiro pela Cidade do Galo. A acusação do mandatário santista foi rebatida pelo presidente do Atlético. Sérgio Sette Câmara garantiu que Sampaoli não ligou para nenhum jogador.

Pelo visto essa história vai render...

Veja mais sobre futebol mineiro no Blog de Victor Martins

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.