Pepita fala sobre relação da mãe com sua transexualidade: "Deu meu primeiro sutiã"

Pepita fala sobre relação da mãe com sua transexualidade:
Pepita fala sobre relação da mãe com sua transexualidade: "Deu meu primeiro sutiã" (Foto: Lucas Ramos/AgNews)

Pepita, que recentemente se tornou mãe ao adotar Lucca Antonio, de seis meses, falou sobre a relação de sua própria mãe com a sua transexualidade. A funkeira, que se identifica como travesti e foi a primeira artista assumidamente trans no gênero no Brasil, revelou que a matriarca sempre a entendeu.

"Ela sempre entendeu. É um ser humano surreal. Não tem vergonha de mim e me deu o primeiro sutiã após a prótese [de silicone]", contou em entrevista a Teresa Cristina, no programa "Botequim da Teresa", do UOL. Pepita ainda disse que sempre teve o acolhimento da mãe, já que era "uma criança totalmente viada", e isso se estende ao irmão dela, Carlos Eduardo, que se identifica como homem trans:

"Ela nunca pediu para a gente mudar nada. No dia que acontecer algo com ela, vai ser complicado entender o mundo", desabafou a funkeira. A atitude da mãe inspirou o sonho de Pepita em montar uma casa de acolhimento para outras pessoas trans e travestis, que não tiveram o mesmo apoio de suas famílias: "É muito complicado ser algo que sua família não consegue entender", justificou.

Enquanto não realiza o sonho de ter a sua casa de acolhimento, Pepita desfruta do posto de mãe. Na data em homenagem a elas, neste ano, quando anunciou que havia se juntado ao grupo, a cantora falou da importância de ser mãe no país que, há 12 anos, lidera o ranking de assassinatos a pessoas trans e travestis:

"Sei que outras manas também têm esse mesmo sonho que eu e torço para que consigam realizar. Sei que tenho representatividade, mas quero ver outras alcançando tudo que alcancei. Tem muita Pepita por aí que precisa ser enxergada como ser humano e merece ser feliz, se casar e ser mãe", disse a cantora à revista Marie Claire.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos