'Penso que vou ficar sozinha para sempre', diz Selena Gomez sobre vida amorosa

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Selena Gomez, 27, analisou versos da sua música "Rare", que leva o nome do seu novo álbum de estúdio lançado no início deste ano, e aproveitou o momento para falar sobre a sua jornada de autoconhecimento e a vida amorosa.

Solteira, Gomez afirmou que às vezes dúvida se entrará em um relacionamento amoroso novamente. "Alguns dias eu acordo e penso: 'Vou ficar sozinha para sempre'. Mas depois passa 15 minutos e digo para mim mesma: 'Eu sei que há alguém para todos", disse ao canal Genius do YouTube.

No refrão da música, a ex-estrela da Disney revelou que "autoestima e confiança são uma luta constante" para ela. "Está melhorando com o tempo e a idade, mas sempre será algo que estarei trabalhando", explicou.

Seu quarto álbum de estúdio -o último "Revival", foi lançado em 2015- "Rare" é o trabalho mais pessoal da cantora, segundo ela. "Penso que recentemente esse é o máximo que já falei, na verdade eu mereço isso e tenho o direito de reivindicar isso e tenho o direito de divulgar as coisas que quero divulgar e falar sobre as coisas que quero falar."

Antes de divulgar "Rare", Selena Gomez divulgou a canção "Lose You To Love Me" em outubro do ano passado. A faixa, que faz parte do álbum, fala sobre um relacionamento abusivo e de como a cantora precisou sair dele para se amar.

Após longas idas e vindas com o cantor Justin Bieber, os fãs começaram a associar a canção com o antigo relacionamento conturbado dos dois. Em entrevista à National Public Radio, Gomez afirmou que tem muito orgulho da música e confirmou que seria sobre seu término com Bieber.

"Não é uma música de ódio; é uma música que está dizendo 'eu tinha algo bonito', e nunca negaria que não era isso", afirmou Gomez. "Foi muito difícil e estou feliz que acabou".

No vídeo publicado pelo Genius, a cantora também disse sua visão sobre os relacionamentos que já teve. "Em certos relacionamentos, eu soube e experienciei... Acho que homens e mulheres, especialmente adolescentes apaixonados, existem uma satisfação em machucar a outra pessoa porque você sabe que ela se importa. Colocar a pessoa propositalmente para baixo para manter ela nesse nível."

Gomez concluiu: "Para manter ela dessa maneira e não fazer com que ela perceba: 'Sou forte o suficiente para sair dessa situação".