Paulo Gustavo chamou Bolsonaro de 'assassino' em última mensagem a Samantha Schmutz

Paulo Gustavo no pôster do documentário
Paulo Gustavo no pôster do documentário "Filho da Mãe", que estreia em breve; em última mensagem à amiga Samantha Schmutz, o humorista, vítima da Covid-19, chamou o presidente Jair Bolsonaro (PL) de "assassino" (Foto: Divulgação/Prime Video)

Vítima da Covid-19, Paulo Gustavo completaria 44 anos neste domingo (30), mesmo dia em que o país vota para decidir o próximo presidente do Brasil. Em última mensagem enviada à amiga Samantha Schmütz, o ator e humorista chamou o atual presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) de assassino.

"Bolsonaro é um ASSASSINO! Mas também não quero me conectar com essa energia dele! Mas o que ele está fazendo é assassinar o povo e rir", escreveu Paulo Gustavo.

Na legenda da publicação, Samantha incentivou as pessoas a votarem "por Paulo" e "por todos que perderam suas vidas por conta de um governo negacionista":

"Essa foi a última mensagem que Paulo Gustavo me mandou... Por Paulo, por todos que perderam suas vidas por conta de um governo NEGACIONISTA... Votaremos no governo que acredita na ciência!", escreveu a artista, afirmando que votará em Luis Inácio Lula da Silva, candidato do PT. "Não vote no governo que matou nossos amores!"

Outros famosos e amigos de Paulo Gustavo também lembraram o anivesário de Paulo Gustavo e declaram que seus votos serão pensando no humorista: "Hoje seria aniversário do Paulo Gustavo. Dia simbólico pra mudar esse país", escreveu Tata Werneck, logo após dizer que já havia votado neste domingo.

"Eu vou com o coração na mãe votar POR ELE e COM ELE. Para honrar sua memória! Déa Lúcia, Ju Amaral [mãe e irmã de Paulo Gustavo], contem sempre comigo!", declarou a atriz Regina Casé, ao compartilhar uma foto ao lado do ator e dos filhos com Thales Bretas, Gael e Romeu. Confira mais homenagens: